- Publicidade -

O jungler Alanderson “4LaN” Meireles anunciou nesta segunda-feira (19) que estava deixando a equipe da Remo Brave.

A organização por meio de uma nota para a imprensa comunicou sobre a saída do jogador e que o time passava por dificuldades financeiras. De acordo com a Brave, dois patrocinadores não honraram com seus compromissos colocando a organização em uma situação frágil.

4lan começou a jogar competitivamente no início de 2016, quando atuou pela Overload ao lado de Espeon. No segundo split do ano, ele foi contratado pela Remo Brave conquistando a vaga no CBLOL sem perder uma única partida no Circuito Desafiante. O jogador foi uma das grandes revelações da competição.

Decisão de deixar a Brave

O jogador conversou com o Mais e-Sports sobre os motivos de sua saída da Remo Brave. Ele reafirmou sobre os problemas financeiros que a Brave vem passando e falou: “Joguei o split inteiro sem receber 1 real e sem contrato.”

4lan revelou que a Brave queria que todos os jogadores aceitassem ficar até janeiro sem receber. Ele também comentou que todo dinheiro que ele recebeu no primeiro split (jogando pela Overload) ele precisou de usar para ajudar nas contas de sua casa em Brasília.

Logo depois, o jungler falou sobre outro motivo que foi crucial para sair da Brave:

“Eu sentia que na Brave eu não iria melhorar rápido o suficiente para ganhar do Revolta um dia. E isso é algo que eu quero muito. Na Brave, eu precisava ser o meu próprio professor. Isso me deu uma vontade de buscar novos horizontes.”

Ao ser questionado se está em busca de uma organização com uma comissão técnica maior, o jogador respondeu: “Não é questão de staff. Quero jogar com jogadores experientes no meu time, jogadores que irão acrescentar muito mais em minha carreira.”

Ele elogiou bastante todo o suporte e estrutura que a organização concedeu aos jogadores e também deixou claro que a Brave buscou maneiras de contornar o problema financeiro para poder pagar os salários do jogador, mas este não era a única coisa que o motivou deixar a equipe.

Aliciamento

A maior polêmica que envolveu a saída de 4lan da Brave é a acusação da organização que ocorreu o aliciamento de outros times em cima do jogador.

Na matéria do Mais e-Sports foi revelado que a organização afirmou que eles tem provas do aliciamento. Em resposta a isso, a Brave está acionando a ABCDE (Associação Brasileira de Clubes de eSports).

4lan relatou ao Mais e-Sports que não havia falado com nenhum time mas que após revelar que estava free agent em seu Twitter, o jogador já havia sido contactado por um time. O jogador reafirmou que está aberto a propostas de outras organizações.

A Remo Brave comunicou que está na espera da resposta da ABCDE antes de qualquer comunicado.