CBLOL 2021: Yampi revela lição de Kalec para a Vorax: “Temos que ser como água”

League of Legends
De:Vitor Ventura-
February 12, 2021

A Vorax está mostrando uma grande evolução neste 1º split do CBLOL 2021. Apesar do início conturbado, sofrendo duas derrotas logo no primeiro fim de semana, a equipe se reergueu e se encontra atualmente na 3ª colocação da tabela, com cinco vitórias e três derrotas, atrás somente de RED Canids e Flamengo.

A Matilha e o Rubro-negro, justamente, são os dois próximos adversários da Vorax, um verdadeiro teste de fogo para vermos qual o real potencial da equipe formada por fNb, Yampi, Krastyel, Matsu e Wos. O caçador comentou sobre os dois próximos compromissos:

“São os dois times que estão dominando o CBLOL. A RED só perdeu para o Flamengo e dominou os demais. Nós perdemos para o Flamengo, mas era início de campeonato, não estávamos conectados, então quero muito ver como será nossa performance contra eles. Estou bem ansioso, de forma positiva”, opina Yampi.

“Questão de experiência que temos contra eles, nunca sentimos dificuldade em enfrentá-los. Não digo de forma esnobe, mas nós sempre batemos de frente contra eles. São ótimos times que renderam ótimos treinos para nós, então é um 50/50 com certeza, vai ser quem acordar melhor no dia, estiver mais disposto e for proativo”, completa.

O fim da G2 brasileira?

Outrora chamada de PRG e Falkol, a Vorax herdou alguns memes da primeira organização, como por exemplo, de ser “fNb e capangas” ou até “G2 brasileira”. Para Yampi, essa história acabou, e isso é mostrado também nos jogos da equipe no CBLOL, onde por vezes vemos fNb sendo o destaque, mas também Krastyel, Matsu e até mesmo o próprio Yampi.

“Eu sempre fui um jungler bastante versátil, então a ideia era mudar a mentalidade das lanes, porque é um jogo totalmente diferente em que estamos nos baseando. O Kalec trouxe para nós que temos que ser como água no copo, e não o contrário. Ou seja, temos que nos adaptar rápido dentro de jogo e de várias formas.”

fNb, Yampi e Kalec nos tempos de PRG (Foto: Riot Games)

O jogador também falou que o estilo “único” de antes, de focar os recursos para o topo, fNb, era sempre bem executado pelo equipe e poucos adversários sabiam lidar com isso. “Se estamos stompando todo mundo, para que mudar? Mas agora estamos mudando desde o início e está dando super certo para nós”, afirma.

A Vorax enfrenta a RED Canids Kalunga neste sábado (13), em busca de se aproximar do pelotão da frente, formada pela Matilha e pelo Flamengo. E é justamente o time carioca o adversário de domingo (14), lembrando que o Rubro-negro segue invicto até agora, tendo vencido todos os seus oito jogos até o momento.

Você confere a cobertura completa do CBLOL aqui no Mais Esports.

Veja também: “A gente se cobra pra c******”, reforça Tinowns