CS:GO: Números de espectadores de torneios “aumentou consideravelmente” durante pandemia, diz Fly

CS:GO
De:Bruno Martins-
December 27, 2020

Com o ano de 2020 sendo afetado pela pandemia da COVID-19, os campeonatos presenciais foram todos movidos para serem realizados online. Apesar de não ser o ideal, o competitivo continuou ativo e com grandes jogos no cenário nacional e internacional do CS:GO. O Mais Esports conversou com Fly, fundador e CEO da Gamers Club sobre os desafios enfrentados em 2020 e as perspectivas para o competitivo nacional em 2021.

fly
Fly, um dos fundadores e CEO da Gamers Club. Foto: Reprodução

De acordo com Fly, a questão da pandemia não trouxe dificuldades à Gamers Club no sentido da realização das competições online. “Não tivemos muitas dificuldades, pois a Gamers Club começou com operações e transmissões de campeonatos online. Mesmo após iniciarmos a realização de eventos presenciais nunca deixamos o online, então já é nossa expertise”, disse ao Mais Esports.

Continue após a publicidade

Como uma empresa totalmente focada em questões do esporte eletrônico, a Gamers Club, segundo Fly, já possuía um modelo de trabalho remoto mesmo antes da pandemia, o que facilitou o trabalho dos funcionários. “Sempre tivemos uma forma de trabalho flexível, o que já permitia que as pessoas trabalhassem fora do escritório. Por isso, mesmo agora com o escritório fechado, nossa equipe conseguiu entregar bons campeonatos para a comunidade”, falou.

Com muito mais pessoas em casa durante todo dia, a audiência bombou. Na entrevista, Fly afirmou que a quantidade de pessoas que estavam assistindo as competições aumentou muito durante a pandemia. “Os números de espectadores dos campeonatos de CS:GO da Gamers Club aumentou consideravelmente com as pessoas em casa”, revelou.

Apesar do aumento do número de streams ligadas, a comunidade não gostou muito de assistir apenas campeonatos online. Na comunidade em geral, muito se falou que os torneios online seriam sem graça. Fly concorda com esse pensamento. “Pessoalmente também gosto mais dos eventos presenciais, pois os jogadores tem uma experiência diferente e também conseguimos mostrar uma energia que é muito difícil de aparecer no online”.

Gamers Club Masters
GC Masters foi um dos campeonatos realizados online em 2020. Foto: Divulgação/Gamers Club

No entanto, Fly fala que o importante para manter a atenção do público é a criação de conteúdos que vão além das partidas. Isso, de acordo com o CEO da Gamers Club, ajuda na manutenção do espectador. “Eventos online podem ser sem graça e mais do mesmo se você não criar um bom conteúdo adicional as partidas. A Gamers Club Masters, por exemplo, teve recorde histórico de horas assistidas e espectadores simultâneos com cerca de 80 mil pessoas e tivemos muitos elogios”, falou.

A pandemia não irá embora quando o ano virar. Em 2021 boa parte do ano, ao menos, as organizadoras de torneio enfrentarão o mesmo desafio que tiveram em 2020. Questionado sobre as perspectivas sobre o competitivo para o próximo ano, Fly revelou que a Gamers Club continuará realizando suas competições da maneira que fez nesse ano.

“A Gamers Club continuará fazendo as ligas mensais para fomentar o cenário competitivo. Continuaremos com a Gamers Club Masters Feminina, uma novidade que agradou muito o público. Para o cenário profissional do CS:GO trabalharemos como parte do CBCS (serão vários campeonatos ao longo do ano), e também continuaremos nossa atuação como plataforma apoiando outros grandes campeonatos que acontecerem e forem benéficos na nossa visão para o desenvolvimento da comunidade de CS:GO do Brasil e América Latina”, finalizou.

Veja também: CS:GO: Twistzz deixa a Team Liquid