CS:GO: Heroic processa treinador por supostamente vazar estratégias

CS:GO
De:Victor Hugo Porto-
July 29, 2021

Hunden, então treinador da Heroic, está sendo processado pela organização. O clube dinamarquês afirmou nesta quinta-feira (29) que Hunden vazou estratégias da equipe para um outro time.

A Heroic afirmou que o time decidiu que Hunden não participaria da IEM Cologne por “sérios problemas de confiança” e, após isso, o treinador bloqueou o acesso do time à pasta com estratégias. As investigações futuras revelaram que Hunden compartilhou “informações confidenciais da pasta de estratégia para um indivíduo de um grande adversário antes do torneio”, disse a Heroic.

Por conta dessas informações, a Heroic abriu processo contra Hunden. A organização declarou que duas cortes encontraram motivos suficientes para realizar a coleção de evidências. A situação também foi reportada à ESL e ESIC.

Continue após a publicidade

“A Heroic está em choque com as ações de Hunden e profundamente tristes pela forma que ele deixou seus companheiros de time, principalmente depois de termos dado uma segunda chance após a suspensão do coach bug”, escreveu a Heroic.

A suspensão citada pelo comunicado da organização se refere à polêmica do coach bug. Alguns treinadores foram suspensos temporariamente depois de se aproveitarem de um bug que acontecia com os treinadores. Hunden ficou suspenso por 12 meses.

Conforme rumores já indicavam que Hunden tinha divulgado informações da Heroic, o treinador publicou na última quarta-feira (28) sua defesa. O dinamarquês disse que decidiu não renovar o contrato com a Heroic e que havia somente compartilhado informações de “anti-estratégias de adversários com colegas de outros times no contexto de debate”.

A ESL, organizadora da IEM Cologne, conduziu uma investigação e concluiu que, embora a pasta tenha sido liberada, não houve o acesso. Portanto, não há possível impacto na integridade do torneio.