CS:GO: Jaime Pádua descarta ida de coldzera para a FURIA

CS:GO
De:Victor Hugo Porto-
September 6, 2021

Em meio a diversos rumores sobre o futuro de coldzera, o CEO da FURIA Jaime Pádua descartou que o jogador não irá se juntar à kscerato e companhia. Jaime afirmou que a escalação da FURIA terá drop, da escalação Academy, no time principal.

“O coldzera é um ídolo do CS mundial e seria muito legal ter ele na FURIA um dia. Porém, isso não será possível no momento por questões diversas. Enquanto isso, estamos felizes em apoiar o drop no time principal e permanecemos alertas para possíveis mudanças”, escreveu.

Jaime também disse que “montar uma line de esports não é igual no elifoot” – jogo onde é possível atuar como manager e contratar jogadores de futebol.

Continue após a publicidade

André Akkari, sócio da FURIA, revelou que houve conversas entre FURIA e coldzera mas a contratação não aconteceu “porque são muitas variáveis”.

“O coldzera foi muito simpático e responsável ao conversar conosco da FURIA sobre possibilidades. Infelizmente não rolou porque são muitas as variáveis para coisas assim darem certo. Valores, contratos, e etc. Nunca se sabe o futuro, mas no momento desejamos toda sorte do mundo para ele”, disse Akkari.

No podcast 4FITCAST, coldzera disse que será anunciado no novo time ainda nesta semana e que jogará o próximo major, ou seja, entrará em um time está perto de avançar ao grande torneio. O terceiro RMR, que definirá os participantes do major, acontecerá entre o fim de setembro e início de outubro.

Com 26 anos, coldzera está sem equipe desde junho. O brasileiro escolhido duas vezes melhor jogador do mundo de CS:GO atuava pela FaZe Clan desde setembro de 2019, mas foi movido para o banco em 2021. Com a organização europeia, foi campeão da BLAST Pro Series: Copenhagen.