×





×





×





×





×


Logo MaisEsports
Notícias
Campeonatos
Outros
Mais Esports

De onde vem os pro players do mundo?

Geral

Com o crescimento cada vez mais rápido dos Esports em todo o globo, não só em fomento do próprio ecossistema, mas também com a criação de novas modalidades, diversos países vão mostrando sua verdadeira tendência a abraçar o esporte eletrônico, isto é, se não se identificaram com um jogo, se encontram em outro, cada qual com seu contexto. Por isso, o site de bets em eSports Betway decidiu pesquisar quais países têm mais pro players, considerando o CS:GO, DotA 2, LoL e Valorant.

Jogadores Worlds 2016 Betway
(Foto: Riot Games)

Falar de Counter Strike é praticamente falar da história dos Esports. O jogo é um grande querido por fãs de FPS desde 2003, na época ainda no CS 1.6, quando aqui no Brasil e em muitas partes do mundo, amigos se encontravam em Lan Houses para disputar uma partida de Policiais contra Terroristas. Até por isso, o nosso país aparece em 3º lugar no ranking.

Com 196 pro players, o Brasil de FalleN, TACO, ART, FER, fnx, KSCERATO, Olga, AMD, HEN1, boltz e muitos outros, fica atrás somente de Estados Unidos (212 profissionais) e Suécia, a líder isolada, com 328 jogadores.

Fallen - MIBR 2019
Com FalleN, o Brasil é o segundo maior formador de profissionais no CS:GO (Foto: HLTV)

A dominância sueca não é grande surpresa, já que desde o DreamHack Winter 2013, o país europeu já se mostrou um apaixonado pela modalidade. Falando em continente, a Europa conta com mais da metade dos pro players de CS:GO do mundo.

Se o Brasil figurava entre os países com maior número de jogadores profissionais no FPS da Valve, o mesmo não se pode dizer sobre o MOBA da mesma empresa. Quando falamos de DotA 2, o país aparece somente em 8º lugar, com 56 jogadores dentre os mais de 1.500 espalhados pelo mundo.

The International 10 Team Spirit
A Team Spirit, da Russia, foi campeã mundial em 2021 (Foto: Reprodução/Team Spirit)

No caso do DotA 2, a China é o país que domina a modalidade, com 266 pro players, com a Rússia vindo logo atrás com 175 jogadores, e completando o pódio, os EUA com 121 jogadores. A China ter o maior número de jogadores também não surpreende, já que a modalidade é até matéria em universidades do país desde 2014.

Indo agora para o League of Legends, o artigo publicado pela Betway mostra um dado que pode surpreender a alguns, mas nem tanto a outros. A Europa é a líder com 44% dos pro players de todo o mundo, mais especificamente, 1142 jogadores, sendo seguida de perto pela Ásia, com 910 pro players.

O Brasil aparece na 4ª colocação, atrás ainda dos EUA, com 146 jogadores. O país norte-americado conta com 164 pro players ao todo e é superado por Coreia do sul (200) e China (232).

Faker T1 MSI 2022
Tricampeão mundial, o sul-coreano Faker é o maior nome da história do LoL (Foto: Riot Games)

Assim como no DotA 2, a dominância asiática já era esperada, já que o estilo de jogo Moba é bastante difundido entre os países do continente, mas a Coreia é um destaque nisso por conta de seu passado e presente vitorioso na modalidade, além de contar com o maior nome que o mundo já viu: Faker, tricampeão mundial pela equipe também coreana, a T1.

No LoL, ainda vale ressaltar que a posição do Brasil no ranking de profissionais se repete quando olhamos para os números de audiência, já que o Campeonato Brasileiro de League of Legends, o CBLOL, é o quatro mais assistido do mundo, atrás de LCS, LEC e LCK (contando as plataformas ocidentais). Por vezes, nossa liga chega a ultrapassar a norte-americana, chegando até a ser a Top3 mais assistida do planeta. Das ligas emergentes, o CBLOL é disparado o mais popular.

Por fim, a Betway ainda traz uma das modalidades mais recentes, o Valorant, que surgiu em 2020 e já possui mais jogadores profissionais do que o DotA 2, que surgiu em 2013. O novo (e primeiro) FPS da Riot Games é, das modalidades aqui citadas, onde o Brasil se dá melhor em número de atletas profissionais.

loud
Sacy é um dos grandes nomes do cenário de Valorant do Brasil e do mundo (Foto: Colin Young-Wolff)

Nosso país aparece em 2º lugar, com 130 pro players, atrás somente dos EUA, que conta com 278 jogadores. O sucesso brasileiro do jogo, sem dúvida, vem da cultura já bem enraizada de FPSs, que começou com o CS há quase 20 anos.

Modalidade x Modalidade

Dados os números dos países em cada uma das quatro modalidades selecionadas, como ficam as mesmas quando colocamos umas contra as outras? Neste caso, o CS:GO é o Esport com maior número de atletas profissionais, com 2.940 jogadores. O League of Legends aparece em 2º lugar, com quase 2.600 pro players, seguido então por Valorant (1.846) e DotA 2 (1.517).

Vale destacar ainda que o FPS da Valve conta com aproximadamente 35% de todos os pro players do mundo, muito devido à sua tradição, pois conta com competições desde meados de 2003.

No contexto geral, o Brasil é um dos países do mundo com o maior número de jogadores profissionais de algum Esporte Eletrônico, já que está no Top3 de Valorant e CS:GO e no Top10 de LoL e DotA 2, sem falar do Free Fire, que não foi citado na pesquisa, mas é um grande fenômeno em terras tupiniquins.

A China é o grande berço dos atletas profissionais, que chegam a ser considerados grandes ídolos no país, já que está em primeiro lugar no DotA 2 e no LoL, sendo seguida de perto por Suécia e Estados Unidos, já que são Top1 em CS:GO e Valorant, respectivamente.

O futuro para atletas

Mesmo o Brasil ainda ter uma visão conservadora em relação à profissão como atleta de Esportes Eletrônicos, o futuro é bastante promissor. Cada vez mais vemos a criação de novos jogos, novas modalidades, além de mais campeonatos e cada vez maiores premiações.

O marketing também tem papel fundamental nesta equação, e independente de ajuda governamental, o esforço para seguir carreira como pro player de qualquer modalidade, principalmente as mais recentes, certamente vale a pena.

Redação Mais Esports

por Redação Mais Esports

Publicado em 04 de julho de 2022 • Editado há 2 anos

Matérias Relacionadas
Geral
CBLOL 2024: brTT e LOS não possuem mais chance de playoffs
Geral

CBLOL 2024: brTT e LOS não possuem mais chance de playoffs

Após o resultado da rodada e mais uma derrota, dessa vez para o Fluxo, as chances da LOS e brTT irem aos Playoffs estão zeradas.

Há 5 dias
Geral
Comitê Olímpico Internacional oficializa Olimpíadas dos Esports na Arábia Saudita
Geral

Comitê Olímpico Internacional oficializa Olimpíadas dos Esports na Arábia Saudita

O Comitê Olímpico Internacional (COI) oficializou que as Olimpíadas de Esports vão acontecer na Arábia Saudita. Confira mais detalhes na matéria!

Há 6 dias
Geral
Riot cancela projeto não anunciado baseado em Super Smash Bros
Geral

Riot cancela projeto não anunciado baseado em Super Smash Bros

A Riot cancelou um projeto baseado no jogo de luta Super Smash Bros. O jogo não havia sido anunciado, entenda o caso na matéria.

Há 8 dias
Geral
LCK 2024: Deft alcança feito que só Faker havia conseguido
Geral

LCK 2024: Deft alcança feito que só Faker havia conseguido

Neste sábado, em partida contra a T1, o Deft alcançou uma marca que até então só Faker, o maior da história, havia conseguido.

Há 19 dias
Geral
LOUD anuncia Coringa como novo sócio da organização
Geral

LOUD anuncia Coringa como novo sócio da organização

A LOUD anunciou na noite desta quinta-feira (27) através das redes sociais, que Coringa se tornou o novo sócio da organização.

Há 21 dias
Geral
Gaules, Coringa e mais brasileiros são finalistas do Esports Awards 2024
Geral

Gaules, Coringa e mais brasileiros são finalistas do Esports Awards 2024

O Esports Awards, premiação internacional de esports, anunciou os primeiros finalistas de algumas categorias presentes no evento.

Há 21 dias

















































Campeonatos Atuais