- Publicidade -

A PRG se prepara para a disputa do 2º split do CBLoL 2020, e conta com o reforço do mid laner Dynquedo, ex-Havan, para buscar uma campanha melhor do que foi na primeira etapa desta temporada.

O Mais Esports conversou com o reforço da Prodigy, que contou um pouco de sua chegada à nova equipe, o seu retorno ao CBLoL depois de passar um split disputando o Circuito Desafiante e também falou do seu ponto de vista em relação à rota do meio no Brasil.

“Foi uma decisão bem difícil, no começo eu não esperava que fosse, mas quando começamos no Circuitão e tem toda aquela pressão de ser reconhecido pelos dois títulos, você tem que ganhar, tem que subir. No CBLoL, se você fica de fora dos playoffs ou perde, você fica triste, claro, mas no próximo split você está lá de novo. Agora, no Circuito a decepção é bem maior, porque você vai ter que jogar novamente para subir, e não simplesmente ter um bom desempenho”, contou Dynquedo sobre sua experiência.

O mid laner, apesar de ser a primeira vez que representa a PRG, já conhece alguns jogadores do elenco, como Yampi e Garo, companheiros da época de OPK, em 2017.

“Por já ter jogado com eles na OPK eu já tenho uma noção de como eles são, mas mudar de time é sempre uma experiência nova. Para eles também é algo novo porque havia um estrangeiro (Aloned), a comunicação era difícil, o time está se acostumando de novo a comunicar em português. Estamos nos adaptando bem e vamos nos achar bem rápido, acredito que, para a primeira semana do CBLoL, estaremos bem preparados.”

Com sua volta ao CBLoL, Dynquedo tornará a enfrentar grandes nomes na mid lane do Brasil, além de outros jogadores que ele já encontrou no Circuitão, como é o caso de Rainbow, do Santos. Sobre sua rota, o jogador opinou sobre a atual situação e os rivais que ele enfrentará neste split.

“O Meio é algo que o Brasil sempre teve de sobra. Muitas vezes falamos que temos pouquíssimos top laners de alto nível no Brasil, e não é assim no mid. Acredito que nesse split não será diferente. O Rainbow é excepcional, muito constante, mesmo num jogo ruim ele sempre sabe o que fazer para o time. O Tutsz é muito novo, mas fico feliz de vê-lo tendo um bom desempenho no CBLoL. Tem o Anyyy, tem o Tinowns… Com certeza jogar no mid vai ser difícil nesse split.”

Os atletas do Santos e da KaBuM, inclusive, são quem Dynquedo mais quer enfrentar neste 2º split de 2020.

A segunda etapa do CBLoL tem data marcada para começar em 6 de junho, no próximo sábado. A PRG abre o torneio enfrentando os Ninjas, e no dia seguinte, a FURIA.

Você confere a cobertura completa do CBLoL aqui no Mais Esports

Veja também: Franquia no CBLoL custará 4 milhões de acordo com site