LoL: A nova safra de jovens promessas da Coreia

League of Legends
De:Luis Santana-
October 23, 2020

A Coreia sempre foi um grande celeiro de novos jogadores. Por conta disso, a região também sempre foi o alvo de grandes importações para outras ligas ao redor do mundo. Com a chegada das franquias em 2021, o fortalecimento da base é algo que adicionará ainda mais à liga coreana que terá obrigação de desenvolver os seus próprios talentos dentro de “casa”.

Entretanto, de alguns anos para cá, a região estagnou e deixou de desenvolver os seus próprios jogadores para simplesmente importá-los para outras ligas. Muitos dizem que a falta de talento bruto sendo aproveitado na liga é um dos fatores para a LCK ter ficada parada no tempo. Samd, Zeka e TheShy são alguns nomes que tiveram de atuar na China para serem lapidados e descobertos como grandes jogadores.

Nesse sentido, a KESPA, em conjunto da Riot Games, criou a LCK Academy Series: um torneio aberto que apenas jogadores realmente novatos podem participar. O campeonato está dividido em quatro edições, onde três dessas já aconteceram com um título para a DRX e dois para T1. Curiosamente ambos os times se enfrentaram em todas as finais.

A última edição, em novembro, selecionará as duas últimas equipes que serão integradas na fase final do torneio, onde as oito melhores disputarão o título. As organizações já classificadas são: DRX Rookie, T1 Academy, Awesome Spear Academy, SANDBOX Academy, Afreeca Academy e KT Academy.

Por fim, em parceria com a Dynamo Scouting, selecionamos cinco jogadores, um de cada rota, para que vocês fiquem de olho.

T1 Burdol

LoL Burdol
Legenda: Posição de Burdol no ranking da soloQ e sua evolução. Reprodução/OP.GG

Embora ainda seja novo, Burdol é o jogador mais conhecido dessa lista. O novato já figurou o topo das filas ranqueadas coreanas e já é uma realidade. Após vencer o segundo LCK Academy Series, ele acabou integrado ao elenco titular da T1 e ficará na reserva da também jovem promessa, Canna, que teve um excelente primeiro ano como jogador profissional.

Burdol se destaca pelo seu split push e a utilização de campeões de característica mais carregadora, o que faz ter um trabalho de mapa invejável para um jogador tão jovem.

Nesse sentido, outro ponto à se comentar do jogador é sua facilidade em adotar esse estilo de jogo mesmo em metas que não sejam tão favoráveis para isso. Levando para uma ótica comparativa, Burdol se assemelha ao Nuguri e faz algo que o topo da DAWMON executou muito bem: a pressão. O topo consegue ter prioridade na maioria das vezes e acaba rotacionando pelo mapa em busca de pickoffs.

Sua principal campeã, a Camille, tem 66% de taxa de vitória nas filas ranqueada coreanas e um KDA de se invejar, quando comparado com os topos da LCK que é de cerca de 4.9 nos últimos 20 jogos, enquanto os da LCK ficam em volta de 3.5, com uma taxa de vitória de 71%. No entanto, sabemos que esses números são um pouco inflacionados por conta de Nuguri.

Os seus campeões mais utilizados nas filas ranqueadas, além da Camille, são: Irelia, Renekton, Lucian e Jayce.

DRX Peach

LoL Peach
Legenda: Posição de Peach no ranking da soloQ e sua evolução. Reprodução: OP.GG

Talvez esse nome seja o mais badalado do momento por conta das suas brilhantes atuações na LCK Academy Series. Com um desempenho espetacular com os principais caçadores do meta atual, o jogador da selva se assemelha muito ao Canyon, seu maior rival, mesmo sem nunca tê-lo enfrentado. Isto porque em uma de suas streams, Peach explicou o motivo que usa o caçador da DAWMON levantando a taça da LCK.

Segundo o jogador, o seu maior desejo é se tornar titular e ganhar a taça da LCK contra o Canyon.

O que mais chama atenção no caçador da DRX são seus números absurdamente altos. Tanto em ouro captado quanto de dano causado, a Nidalee, sua campeã mais temida, tem, por exemplo, 560,28 de DPM e 427,32 de GPM, dando uma eficiência de ouro de 1,27 — o que é maior que os singelos GPM 365 e DPM 388 e uma efetividade de 1,06 para todas as Nidalee da fase regular da LCK 2020 Summer.

Seus principais campeões nas filas ranqueadas da Coreia, são: Ekko, Lee Sin, Graves, Karthus e Nidalee.

Gen.G Karis

LoL Garis
Posição de Karis no ranking da soloQ e sua evolução. Reprodução: OP.GG

Muito do “hype” de Karis foi cortado pela estreia do seu rival neste ano e sua permanência nas divisões de base da Gen.G. Todavia, não achem que ele seja pior que o Clozer — ambos tem um nível bem parecido e serão no futuro os melhores jogadores da rota do meio na LCK.

A jovem promessa é bastante habituada à jogar com campeões de controle e com forte impacto no mapa, enquanto Clozer atua com campeões mais carregadores. Sua única escolha que destoa desse estilo de jogo, é a Akali, na qual ele é dono de números absurdos.

Nesta jogada o meio demonstra sua mecânica com sua principal campeã, Akali, que é muito temida entre os adversários de Karis nas competições amadoras e também nas filas ranqueadas. Todavia, a parte mais chamativa de tudo são os números do jogador da Gen.G com a campeã. Na soloQ, Karis atinge um insano número em seu gold por minuto que é de 427,59 e incríveis 695,14 de dano por minuto. Isto leva o jogador a bizarros 1,61 de efetividade de ouro. Em contra partida, os profissionais na LCK, parecem bem mais modestos com GPM de 399, DPM de 457 e apenas 1,14 de eficiência de gold.

Karis é da mesma safra de Clozer, que jogou e se destacou na etapa de verão da LCK pela T1, colocando o lendário Faker no banco. Contudo, o mais interessante nessa história são em quem os dois se inspiram. Enquanto Karis se espelha em Faker, ídolo na T1, equipe rival da Gen.G, Clozer se espelha em Crown, campeão mundial pela Samsung Galaxy.

Além da Akali, seus principais campeões nas filas ranqueadas, são: Orianna, Leblanc, Zoe e Twisted Fate.

T1 Berserker

LoL Berseker
Legenda: Posição de Berserker no ranking da soloQ e sua evolução. Reprodução: OP.GG

O principal destaque na conta de Berserker é seu leque de campeões bastante vasto. A versatilidade do atirador também é algo a se notar, conseguindo transicionar entre um alguém que absorve a pressão para o time jogar, e também ser o carregador primário da equipe.

Enquanto Burdol ainda era da T1 Academy, Berserker assumia esse papel de elo mais fraco do mapa com maestria. No entanto, agora que o topo foi promovido, o atirador tem sido a prioridade no estilo de jogo da equipe. Como vimos no último LCK Academy Series que além de campeões com necessidade de mais atenção no jogo, Berserker ainda tirou uma Samira da cartola e fez uma partida espetacular.

Ezreal, seu principal campeão, é dono de números invejáveis. Berserker, em suas filas ranqueadas, alcança 456,22 GPM e 749,42 de DPM, o que o faz ter absurdos 1,61 de eficiência de ouro. Se jogasse na LCK, por exemplo, o atirador da T1 Academy ficaria atrás apenas de Ruler. E isso não se aplica apenas ao seu Ezreal, como também para seu Jhin, Aphelios e Senna, praticamente com todos os seus campeões, ele obtém status de no mínimo top 3 na LCK, comprovando sua enorme versatilidade.

Seus principais campeões, além do Ezreal, nas filas ranqueadas, são: Aphelios, Jhin, Caitlyn e Kai’Sa.

DYN Blessing

LoL Blessing
Posição de Blessing no ranking da soloQ e sua evolução. Reprodução: OP.GG

O nome menos badalado da lista. Blessing é o principal fator que fez a Dynamics Academy chegar às semifinais do primeiro LCK Academy Series. O mais curioso é que o jogador era Platina na última temporada, o que demonstra a sua evolução pessoal ao longo do tempo.

Dono de grande personalidade, o suporte esbanja proatividade, e, principalmente, agressividade — que é algo que falta nessa posição dentro da LCK. Sua principal escolha, o Bardo, demonstra muito desse estilo playmaker.

É uma tarefa difícil mostrar o real valor do suporte da Dynamics, pois os números de suportes em soloQ e suas funções são completamente diferentes. É basicamente um outro jogo. Portanto, nesse ponto, vocês terão que confiar um pouco mais em nossas opiniões. Blessing é um jogador que tem um estilo de jogo em falta na Coreia, aquele suporte mais agressivo como Hylissang da Fnatic ou o Mikyx da G2, saindo muito de sua rota e impactando efetivamente no mapa. Isso mostra sua altíssima taxa de participação em abates para um suporte nas filas ranqueadas, que entre todos os campeões, alcança a marca de 52%. Esse número é grande se comparar como funcionava uma partida de soloQ.

A projeção do garoto é bem alta, principalmente se o jovem jogador poder formar uma dupla com o outro promissor atirador da Dynamics, o Deokdam. Suas principais escolhas nas filas ranqueadas, são: Bardo, Sett, Pyke e Rakan.

Confira outra coluna da LCK aqui no Mais Esports: Ghost, o atirador fantasma