LoL: Uzi começa uma organização e recruta jogadores para o Wild Rift

League of Legends
De:Vitor Ventura-
July 27, 2021

Segundo uma publicação no site Weibo no último domingo (25), o ex-jogador, Uzi, começou uma nova organização de Esports junto com o cantor chinês, Fan Cheng Cheng. A equipe se chama Ultra Fantastic Gaming (UFG) e começou um recrutamento para uma equipe de Wild Rift.

Uzi Weibo UFG
Imagem: Reprodução/Weibo

O Weibo é uma das maiores redes sociais da China e, de acordo com a publicação, os jogadores que desejarem ingressar na organização de Uzi e Fan Cheng Cheng precisam ter, no mínimo, 16 anos, experiência proficiente em jogos Mobile como o próprio Wild Rift, ou Kings of Glory, além de resistência a estresse.

Continue após a publicidade

A Ultra Fantastic Gaming oferece um salário de 6.000 Yuans, pouco mais de R$ 4.700. Além disso, a organização garante providenciar um ambiente profissional e comissão técnica aos jogadores selecionados.

Apesar do recrutamento para o Wild Rift já ter começado na UFG, o jogo ainda não foi lançado na China. Com outro nome no país asiático, o “League Mobile” tem previsão de sair no final deste ano e já atrai os olhos de diversas organizações que estão presentes na LPL, de acordo com o Dot Esports.

Uzi
Uzi foi campeão do MSI 2018 pela Royal Never Give-up (Foto: Riot Games)

Afastado do competitivo há mais de um ano, Uzi foi considerado um dos melhores jogadores de League of Legends do mundo. Junto com sua equipe, a Royal Never Give-up, o atirador chegou a diversas finais da LPL, foi campeão no 1º split de 2018 e faturou o MSI daquele ano.

O AD Carry também possui em seu currículo uma Medalha de Ouro nos Jogos Olímpicos Asiáticos de 2018, o primeiro evento chancelado pelo Comitê Olímpico Internacional a receber um torneio de Esports. Representando a China, Uzi e companhia venceram a Coreia do Sul, de Faker, na Grande Final.

Uzi está fora do cenário competitivo desde o início de 2020, quando anunciou seu afastamento definitivo do palco profissional, devido a problemas de saúde. A criação da UFG é o primeiro movimento do ex-jogador olhando para o League of Legends desde então.

Veja também: Caçador da V5 esquece o Smite e causa menos de 2K de dano na partida