- Publicidade -

Após afirmar que gostaria do retorno do mapa original de Fortnite e reclamar de problemas de lag, Ninja segue criticando o jogo da Epic Games. Em uma de suas últimas transmissões, o norte-americano reclamou da baixa quantidade de jogadores vivos em cada partida e disse que o battle royale precisa se inspirar em CoD: Warzone.

Ninja
Imagem: Kotaku/Ninja

Para Ninja, a Epic Games precisa fazer alguma coisa para que Fortnite consiga competir com Warzone. O streamer acredita que um dos maiores problemas do battle royale é o baixo número de jogadores que estão ficando vivos nas partidas ainda no início do jogo, o que não acontece no CoD.

“Talvez não em relação ao competitivo, mas em algo relacionado ao 1 x 1, acho que conseguir voltar ao jogo é um ideia bem ruim. Warzone conta com 150 pessoas no jogo e Fortnite tem apenas 100 nos modos solo e duo, e, geralmente, 75% das pessoas são abatidas antes mesmo do primeiro círculo começar a fechar. Deve ter algum jeito de manter esses números mais altos”, afirmou Ninja.

Uma das possíveis soluções dadas por Ninja foi aumentar o número de jogadores nos modos solo e duo em 25 e 26 respectivamente, mas de acordo com o streamer isso não necessariamente resolveria a situação por completo.

“Se apenas acrescentarem mais jogadores no mapa, talvez poderíamos ter lutas mais agitadas no início das partidas, o que não seria tão divertido assim. Imagine 40 pessoas caindo na área da Agência, não teria arma para todo mundo”, finalizou.

Veja também: Patch 12.30 de Fortnite traz novos itens e correção de bugs.