×





×





×





×





×


Logo MaisEsports
Notícias
Campeonatos
Outros
Mais Esports

Trap e Esports: A relação cada vez mais próxima dos dois universos

Geral

Não é novidade para ninguém que música e jogos eletrônicos andam lado a lado há anos, desde o fim do século passado. Com o passar do tempo, como mostra este artigo publicado pela Betway, essa relação de grande sucesso chegou nos Esports, com empresas como Valve, Ubisoft e Riot Games cada vez mais investindo na parceria, que vem repetindo o excelente resultado.

Além das publishers, as próprias organizações de Esports também estão bem atentas a isso. Exemplo disso é a contratação de GUXTA por parte da LOUD, algo que foge totalmente de jogadores profissionais e influenciadores do ramo de games, além da criação de um clipe musical do MiBR com o artista, Duzz, para o anúncio de line-ups, entre outros.

Contudo, o Trap é só um dos braços da música que está presente nos Esports. A Riot Games, empresa criadora do League of Legends e Valorant, já se utiliza dessa estreita parceria antes mesmo do jogo explodir no Brasil. Na Final do CBLOL de 2014, como bem lembrou o artigo da Betway, site de eSports bets, por exemplo, houve apresentação musical dos temas da Vi e da Jinx, o que levantou o público no Maracanãzinho. No ano seguinte, as músicas de Draven, Gnar e até do Amumu foram apresentadas ao vivo no Allianz Parque, além de um show da banda Pentakill, que voltaria a se apresentar ao público brasileiro na Final do 2º split de 2017.

Isso sem falar das produções quase hollywoodianas que a publisher criou para lançar as linhas de skin KDA e True Damage, nomes também das bandas virtuais  que lançaram músicas de grande sucesso. No caso do KDA, o grupo formado por Ahri, Evelyn, Kai’Sa e Akali, além da mais nova recém-chegada, Seraphine, tem suas músicas muito próximas do K-PoP, gênero sul-coreano avassalador por todo o mundo. Já o True Damage vai mais para o lado do rap e hip hop, com os campeões Yasuo, Ekko, Senna, Qiyana, além da Akali que participa dos dois projetos.

Mas voltando a falar do CBLOL, o Trap também começou a se mostrar cada vez mais presente no cenário competitivo brasileiro de League of Legends, porém se engana quem acredita que fica restrito aos campeonatos. O maior jogador da modalidade no Brasil, o seis vezes campeão nacional, brTT, já lançou mais de um projeto musical no gênero, com os hits Flex (com Alva e Ecologik) e Seis (com Pedro Qualy).

Pedro Qualy, inclusive, está presente no cenário de LoL há bastante tempo, desde interações nas redes sociais com jogadores e influenciadores do meio, ele já lançou músicas como “Somos Um Só”, apresentada em parceria com Vintage Culture na Final do 2º split do CBLOL 2020, a já citada “Seis”, além da participação de nomes icônicos como Yoda, Micao e o próprio brTT no clipe de “Irmãos DQbrada”, música do Haikaiss.

Foto: Reprodução Guxta – Camisa 21

Uma modalidade que ainda não foi citada aqui, foi o Rainbow Six: Siege, que contou com apresentação de Yung Buda e Rincon Sapiência na Final do Brasileirão de 2020. Em entrevista à Betway na época, Buda contou que os games sempre estiveram presentes em sua vida: Na minha adolescência até a minha vida adulta sempre joguei FPS, tais como o Counter Strike. Tem até outros jogos que não estão no cenário competitivo, mas marcaram bastante a minha trajetória, The Duel, Eurogunz, Perfect World, Combat Arms, e agora eu tenho jogado League of Legends.”

A parceria do artista com o FPS da Ubisoft surgiu depois que um dos produtores da empresa, Rob, acreditou que a relação seria interessante para os dois lados. “Eu não tinha jogado o game. Eles me deram a chave, joguei, curti. Peguei uma ideia ali mais ou menos e a gente fez uma sessão de estúdio com o Rincon Sapiência e com o Samuel Ferrari também, que já fez algumas produções ali para música promocional do cenário competitivo com o Emicida e com o Brown”, completa Yung Buda.

Com isso em mente, é impossível enxergarmos um futuro sem que games (e Esports) e música estejam juntos. O Trap virá no mesmo ritmo, ou melhor, no seu ritmo e certamente será um fator extremamente importante e quem sabe até moldará o futuro dessa lendária parceria.

Redação Mais Esports

por Redação Mais Esports

Publicado em 31 de agosto de 2021 • Editado há quase 3 anos

Matérias Relacionadas
Geral
Jogos Olímpicos de Esports é criado e terá primeira edição em 2025
Geral

Jogos Olímpicos de Esports é criado e terá primeira edição em 2025

O Comitê Olímpico Internacional (COI) deu um passo histórico ao aprovar a criação dos Jogos Olímpicos de Esports.

Há 1 dia
Geral
Sites de jogos investem em patrocínios e parcerias esportivas para promoção da marca
Geral

Sites de jogos investem em patrocínios e parcerias esportivas para promoção da marca

Cada vez mais os sites de jogos estão presentes como patrocínios tanto nos esportes tradicionais quanto nos esports!

Há 1 dia
Geral
CBLOL 2024: brTT e LOS não possuem mais chance de playoffs
Geral

CBLOL 2024: brTT e LOS não possuem mais chance de playoffs

Após o resultado da rodada e mais uma derrota, dessa vez para o Fluxo, as chances da LOS e brTT irem aos Playoffs estão zeradas.

Há 11 dias
Geral
Comitê Olímpico Internacional oficializa Olimpíadas dos Esports na Arábia Saudita
Geral

Comitê Olímpico Internacional oficializa Olimpíadas dos Esports na Arábia Saudita

O Comitê Olímpico Internacional (COI) oficializou que as Olimpíadas de Esports vão acontecer na Arábia Saudita. Confira mais detalhes na matéria!

Há 12 dias
Geral
Riot cancela projeto não anunciado baseado em Super Smash Bros
Geral

Riot cancela projeto não anunciado baseado em Super Smash Bros

A Riot cancelou um projeto baseado no jogo de luta Super Smash Bros. O jogo não havia sido anunciado, entenda o caso na matéria.

Há 14 dias
Geral
LCK 2024: Deft alcança feito que só Faker havia conseguido
Geral

LCK 2024: Deft alcança feito que só Faker havia conseguido

Neste sábado, em partida contra a T1, o Deft alcançou uma marca que até então só Faker, o maior da história, havia conseguido.

Há 25 dias

















































Campeonatos Atuais