×





×





×





×





×


Logo MaisEsports
Notícias
Campeonatos
Outros
Mais Esports

VALORANT: Com o Masters de volta à Islândia, como estão os times que jogaram o torneio em 2021?

Valorant

Em 2021, a Islândia foi palco do primeiro torneio internacional da história do VALORANT. Em maio do ano passado, dez equipes disputaram o Masters em Reykjavík, que teve a norte-americana Sentinels como grande campeã e as equipes Vikings e Sharks representando o Brasil no evento.

Agora, quase um ano depois, o Masters está retornando para a Islândia e muita coisa mudou no cenário competitivo de lá para cá. Preparamos um post para te mostrar como estão as equipes que disputaram o primeiro Masters do VALORANT, e já damos um spoiler: a Sentinels, atual campeã, está desclassificada!

Quer começar a apostar em VALORANT? Crie sua conta na Rivalry, e utilizando o cupom MAIS100 você dobra o seu saldo em até 550 reais. As apostas são permitidas apenas para maiores de 18 anos.

Como estão os times que participaram do primeiro Masters de VALORANT

Sentinels

Imagem da Sentinels, equipe campeã do Masters de VALORANT em 2021
Equipe da Sentinels (Foto: Colin Young-Wolff/Riot Games)

Campeã da edição de 2021 do Masters da Islândia de forma invicta, a Sentinels não teve vida fácil desde então. Após o título em Reykjavík, os norte-americanos não conseguiram reproduzir o bom VALORANT apresentado no evento e acumulam decepções, entre elas eliminações precoces no Masters Berlim e no Champions, mundial do FPS da Riot Games.

Recentemente, a Sentinels acabou sendo eliminada do VCT NA ainda no início dos playoffs e confirmou que a má fase que o time está vivendo continua. Por conta da eliminação, TenZ e companhia não conseguiram uma das vagas da América do Norte para o Masters da Islândia de 2022 e não estarão em Reykjavík para defender o troféu conquistado um ano antes. Apesar de tudo, o time segue com o mesmo elenco.

Fnatic

Imagem da Fnatic, equipe vice-campeã do Masters de VALORANT em 2021
(Foto: Riot Games)

Vice-campeã do Masters da Islândia em 2021, a Fnatic foi a primeira equipe a garantir a classificação para a edição de 2022 do evento. O time europeu liderado por Boaster chegará embalado para o evento internacional por conta de suas ótimas atuações recentes no VCT EMEA e certamente será um dos favoritos ao título.

Do Masters de 2021 para cá, a única mudança no elenco da Fnatic foi a saída do croata Doma para a entrada do russo BraveAF. Boaster, Derke, Magnum e Mistic seguem no quinteto da organização.

NUTURN Gaming

Imagem da Nuturn, um dos times do Masters de VALORANT em 2021
(Foto: Riot Games)

Quase um ano após o Masters da Islândia, a NUTURN não possui mais um elenco de VALORANT. Os jogadores sul-coreanos que disputaram o torneio acabaram se separando e seguiram caminhos diferentes na carreira. Atualmente, allow defende a Jadeite, enquanto Suggest veste a camisa da DetonatioN Gaming White e Lakia representa a IGZIST.

Peri e Solo decidiram migrar para a posição de coach e hoje são os treinadores de On Sla2ers e DAMWON Gaming respectivamente.

Team Liquid

(Foto: Riot Games)

Mais uma equipe europeia que mudou pouco seu elenco desde o fim do Masters da Islândia de 2021, a Liquid atualmente está disputando os playoffs do VCT EMEA e segue com chances de classificação para a edição de 2022 da competição. A cavalaria anda apresentando um VALORANT sólido desde a entrada de Nivera no lugar de Kryptix no final de setembro do ano passado.

A prova da melhora da Liquid foi o bom resultado no VALORANT Champions 2021, onde os europeus conquistaram o terceiro lugar da competição. Apesar da concorrência ser dura na região EMEA por uma vaga no próximo Masters, ScreaM e seus companheiros estão entre os favoritos.

Team Vikings

Vikings escalação
Antiga escalação da Vikings (Imagem: Vikings/Reprodução)

Campeã do VCT BR na ocasião, a Vikings chegou à Islândia com altas expectativas da torcida brasileira, porém o time acabou não indo tão bem e terminou sua campanha em quinto lugar. Após o fim da temporada de 2021, o quinteto da VKS se separou, com Sacy e Saadhak criando um novo projeto na LOUD, frz se juntando à Sharks, gtnziN rumando para a MIBR e Sutecas ingressando no elenco da ODDIK.

Atualmente, a escalação da Vikings é completamente diferente da que disputou o Masters da Islândia em 2021. O time agora é formado por pollo, Veroneze, Ds e SwaG e não está conseguindo apresentar bons resultados dentro do servidor, tendo terminando sua campanha na atual edição do VCT BR com quatro derrotas em quatro jogos.

Version1

(Foto: Riot Games)

A Version1 é mais um elenco que disputou o Masters da Islândia em 2021 e segue com chances de classificação para a edição de 2022 do campeonato. A equipe norte-americana está disputando os playoffs do VCT NA e busca uma das duas vagas da região para a competição internacional.

De maio de 2021 para cá, a Version1 mudou apenas uma peça de seu elenco, com Vanity deixando o time rumo à Cloud9 e sendo substituído pelo canadense Zander. Apesar de apenas uma mudança oficial ter acontecido no quinteto da V1, jammyz que representou a equipe no Masters da Islândia como stand-in, não continuou no time após o torneio e o russo wippie voltou a ser titular.

KRÜ Esports

(Foto: Riot Games)

Representante latina no Masters da Islândia, a KRÜ evoluiu muito após o torneio. Na ocasião, o time terminou sua participação em sétimo lugar e optou por substituir o argentino bnj pelo chileno keznit e a mudança fez efeito rapidamente. Nos próximos dois eventos internacionais de VALORANT, a KRÜ fez ótimas campanhas, inclusive conquistando um terceiro lugar no mundial.

A equipe latina atualmente está disputando os playoffs do VCT LATAM e segue com chances de classificação para a próxima edição do Masters da Islândia.

X10 Esports

Patiphan
Patiphan disputando o VALORANT Champions (Foto: Michal Konkol/Riot Games)

Participante do Masters da Islândia e do VALORANT Champions em 2021, a X10 foi mais um time que mudou completamente seu elenco. Enquanto o quarteto formado por Crws, sScary, sushiboys e foxz deixou a organização para se juntar à XERXIA, Patiphan, estrela do elenco, acabou se aposentando do FPS da Riot Games e migrou para o Overwatch, onde agora defende o Los Angeles Gladiators na OW League.

Atualmente, o quarteto que representa a XERXIA está disputando os playoffs do VCT APAC e pode se classificar para a edição de 2022 do Masters da Islândia.

Sharks Esports

Last Chance Qualifier
Elenco da Sharks que disputou o Masters (Foto: Sharks)

Segunda representante brasileira no Masters da Islândia de 2021, a Sharks passou por diversas mudanças em seu elenco desde o fim do torneio. Na ocasião, o time não foi bem no evento e terminou sua campanha em último lugar, com duas derrotas em dois jogos. Do quinteto que participou do campeonato, apenas prozin e gaabxx continuam vestindo a camisa dos tubarões.

Do trio que saiu da Sharks, DeNaro foi contratado pela MIBR, enquanto fra atualmente defende a ODDIK e light segue sem time. Para seus lugares, os tubarões contrataram frz, ex-Vikings, e os portugueses KILLDREAM e Addicted.

Crazy Racoon

(Foto: Riot Games)

A Crazy Racoon mudou bastante desde o final do Masters da Islândia. Do quinteto que disputou o evento internacional, apenas a dupla neth e Munchkin segue no elenco titular da organização. O sul-coreano Medusa deixou o time e se juntou à REJECT, enquanto os japoneses rion e zepher se tornaram criadores de conteúdo da organização.

Atualmente, além da dupla que disputou o Masters, a Crazy Racoon conta com Meiy, Astell e popogachi em seu elenco. O quinteto da organização está na disputa do VCT japonês e segue com chances de se classificar para a edição de 2022 do evento internacional.

O Masters da Islândia acontece entre os dias 10 e 24 de abril na cidade de Reykjavík. Serão doze times disputando o título de campeão internacional de VALORANT, além de uma fatia de uma premiação total que ainda não foi revelada pela Riot Games.

Veja também: LOUD atropela Keyd e avança nos playoffs do VCT BR 2022

Redação Mais Esports

por Redação Mais Esports

Publicado em 25 de março de 2022 • Editado há mais de 2 anos

Matérias Relacionadas
Valorant
VCT Americas 2024: “Não mudaria nada e foi aprendizado”, diz Saadhak sobre LOUD
Valorant

VCT Americas 2024: “Não mudaria nada e foi aprendizado”, diz Saadhak sobre LOUD

A LOUD venceu a 100 Thieves no VCT Americas 2024. Após o jogo, em entrevista a transmissão brasileira Saadhak falou sobre o ano da equipe

Há 8 horas
Valorant
VCT Americas 2024: G2 bate Sentinels em último jogo da fase de grupos
Valorant

VCT Americas 2024: G2 bate Sentinels em último jogo da fase de grupos

A G2 venceu a Sentinels por 2 a 0 neste domingo (14) no VCT Americas 2024. Com a vitória, a equipe de trent avança na chave superior.

Há 9 horas
Valorant
VCT EMEA 2024: FUT e Team Heretics avançam na chave superior
Valorant

VCT EMEA 2024: FUT e Team Heretics avançam na chave superior

Os playoffs do VCT EMEA 2024 começam nesta segunda-feira (15). Confira quais times se classificaram para os playoffs do torneio.

Há 10 horas
Valorant
VCT Americas 2024: LOUD tem pior performance da história na Ascent
Valorant

VCT Americas 2024: LOUD tem pior performance da história na Ascent

Durante a partida contra a 100 Thieves no VCT Americas 2024 a LOUD teve a pior performance da história no mapa da Ascent. Veja números

Há 12 horas
Valorant
VCT Americas 2024: LOUD termina torneio com vitória contra a 100 Thieves
Valorant

VCT Americas 2024: LOUD termina torneio com vitória contra a 100 Thieves

A LOUD terminou o VCT Americas 2024 com uma vitória. Apesar de não estar no O elenco brasileiro venceu a 100 Thieves por 2 a 1.

Há 12 horas
Valorant
VCT Americas 2024: aspas bate recorde de abates no mundo
Valorant

VCT Americas 2024: aspas bate recorde de abates no mundo

A Leviatán publicou neste sábado (13) que aspas bateu o recorde de abates em campeonatos internacionais de VALORANT.

Há 1 dia

















































Campeonatos Atuais