- Publicidade -

Com o beta fechado de Valorant próximo de ser lançado, mais detalhes do novo FPS da Riot foram revelados pelos jogadores que tiveram a oportunidade de testa-lo. Entre eles estão a adição de um novo agente, características do modo ranqueado do jogo e uma descrição de como funcionará o sistema de itens cosméticos.

valorant
(Foto: Riot)

NOVO AGENTE

No mês passado, a Riot revelou ao público oito personagens de Valorant e suas habilidades. Porém, de acordo com o com os jogadores que tiveram a oportunidade de testar o Alpha do game no último final de semana, um novo agente estava disponível para ser utilizado.

Trata-se de Breach, um personagem que pela descrição aparenta ser especialista em granadas. Suas habilidades são: Flashpoint, Fault Line e Rolling Thunder. A primeira lança uma granada de luz que cega seus oponentes, enquanto a segunda é uma granada que deixa os adversários lentos e afeta a mira. A terceira é sua ultimate, que da um quantidade grande de dano ao inimigo. De acordo com os jogadores, o agente é um dos mais fortes do FPS.

Outros depoimentos dos jogadores foram:

  • Agentes como Viper, Sova e Sage foram muito elogiados enquanto Omen foi considerado um personagem fraco.
  • Um dos jogadores afirmou que um novo personagem pode ser liberado de graça após jogar poucas partidas.
  • Os jogadores puderam escolher quatro dos cinco agentes disponíveis antes de começar o teste.

MODO RANQUEADO

O novo FPS da Riot terá um modo ranqueado parecido com os vistos em jogos como LoL e CS:GO. Serão oito patentes chamadas de mercenário, soldado, veterano, herói, lenda, mítico e imortal, com o rank mais alto sendo batizado de Valorant.

Cada patente contará com três divisões, onde os jogadores terão que vencer partidas para aumentar seu elo. Por exemplo, um jogador de nível mercenário será colocado na divisão um dois ou três de acordo com suas habilidades e terá que melhorar dentro do jogo caso queira subir.

De acordo com um dos jogadores que testaram o jogo, os agentes são selecionados na ordem de chegada e quem selecionar primeiro jogará com aquele agente. Por conta da baixa quantidade de personagens, não é possível banir nenhum deles no momento.

SISTEMA DE OVERTIME

Jogadores já havia anunciado anteriormente que para vencer uma partida de Valorant, um time precisa chegar a 13 rodadas. Porém, caso as duas equipes consigam fazer 12 pontos cada, o jogo terá prorrogação.

Neste overtime, cada jogador começará com 5 mil creds, o dinheiro do jogo, e quem vencer a rodada leva o jogo por 13-12.

ITENS COSMÉTICOS

Os itens cosméticos de Valorant seguirão o mesmo padrão visto em jogos como LoL, CS:GO e R6. Apesar de não terem sido vistas nenhuma skin de personagem dentro do jogo, skins de armas, chaveiros e sprays estarão presentes.

Os jogadores também poderão ganhar skins completando contratos dentro do jogo. Estas tarefas são dividas por agente e darão itens cosméticos como recompensa após serem finalizadas.

ARMAS, MODO DE TREINO, RESOLUÇÃO E MAIS

  • De acordo com um dos jogadores, as armas de Valorant são muito parecidas com as do CS:GO. Ele também revelou que o fire rate das armas diminui quando o jogador abre o scope.
  • Valorant terá um modo de treino para que o jogador possa aprimorar suas habilidades. Ele será parecido com o mapa Aim Botz criado pela comunidade de CS:GO, onde os jogadores podem atirar contra bots infinitamente.
  • Os jogadores tiveram a opção de jogar o jogo com a resolução 4:3.
  • Os jogadores podem apertar a tecla “M” para abrir o mapa dentro do jogo.
  • O jogo contará com pings assim como no LoL e no Dota 2. Jogadores eliminados também poderão utilizar o ping.
  • Jogadores poderão criar servidores customizados dentro do Valorant com capacidade para até 10 jogadores.

Os depoimentos foram dados por jogadores profissionais e streamers como shroud, CouRage e TimTheTatman ao portal norte-americano Dot Esports.

Valorant ainda não tem data de lançamento confirmada, mas a Riot revelou que o jogo chegará no segundo semestre de 2020.