VCTBR: DmL espanta pressão por favoritismo: “Nem pensamos nisso”

Valorant
De:Victor Hugo Porto-
February 27, 2021

Na busca de uma das vagas no VALORANT Masters, a Rise Gaming estreou com vitória neste sábado (27) pela terceira etapa do Challengers Brazil. A equipe, agora, está a uma MD3 de se classificar ao próximo torneio do circuito nacional. Depois do triunfo, DmL conversou com a imprensa sobre o início com pé direito e a próxima partida.

A vitória de DmL e companheiros de equipe se deu por 13×5 contra a paiN Gaming. Com um começo arrebatador, a Rise abriu 6×0 no placar e levou a primeira metade por 9×3. DmL apontou o foco, mesmo com a larga vantagem no placar, como um ponto principal para a vitória.

“Acho que o ponto mais importante que teve para seguirmos no jogo foi manter o foco do mesmo jeito, independente de sermos favoritos ou não. Nem pensamos nisso. Ao meu ver e do meu time também, é sempre um jogo difícil, não tem jogo fácil. Todo mundo já sabe jogar o jogo, então é encarar como o adversário mais forte possível e exercer nosso trabalho”.

Continue após a publicidade

“Aprendemos muito com as derrotas para a Gamelanders e FURIA, o trabalho do nosso capitão e do nosso treinador também ajudam bastante para absorvermos essas derrotas e virmos mais fortes”, continuou.

Embora não tenha disputado a primeira edição do Challengers, a Rise também esteve presente na segunda etapa. A equipe também venceu na estreia, mas perdeu as duas séries MD3s decisivas.

“Fizemos um trabalho muito intensivo, tanto na parte de treino, tático, quanto na parte psicológica. Após as derrotas, tivemos diariamente um trabalho muito intensivo que nos ajudou a voltar ter confiança, impor nosso jogo. Chegamos muito confiantes nessa partida, mas sempre com o resguardo de que não seria um jogo fácil, mas confiávamos no nosso trabalho”.

A Rise decidirá a vaga no Masters contra a Imperial Gaming, que venceu a FREE AGENTS na estreia, no próximo sábado (6). Quem vencer, avançará para o torneio que já conta com Gamelanders, VORAX, Team Vikings e FURIA. DmL comentou as expectativas para o confronto decisivo.

“A gente acompanhou o jogo [da Imperial contra paiN] e sempre treinamos contra eles. Eles estavam se reinventando após a derrota, o time tem jogadores muito bons e com certeza será uma partida bem acirrada. Esperamos que saia uma partida disputada e, por mais que já tenhamos ganhado uma vez, eles também aprenderam com a derrota e virão muito forte para cima da gente, mas nós também nos preparamos bastante”, finalizou.