×





×





×





×





×


Logo MaisEsports
Notícias
Campeonatos
Outros
Mais Esports

VCT Americas 2023: “Ainda não mostramos todo o nosso potencial”, diz mwzera após vitória da FURIA

Valorant

O VCT Americas 2023 começou no último sábado (1) e a FURIA estreou na competição com vitória. A equipe brasileira superou a KRÜ em um duelo emocionante e se tornou a primeira equipe nacional a vencer os latinos na história do competitivo de VALORANT.

Mwzera, um dos destaques da FURIA, conversou com o Mais Esports após o triunfo na estreia. O jogador falou sobre sua adaptação nos Estados Unidos, a preparação dos panteras para o VCT Americas 2023, o confronto contra a KRÜ e os objetivos da equipe na temporada.

Adaptação nos Estados Unidos

Eu acho que principalmente no começo é inevitável a saudade da família, namorada e coisas assim. Mas a gente também coloca na cabeça que é algo que é um sonho nosso. Temos muita vontade de vencer e de representar bem o Brasil, então acaba que essas coisas ficam um pouco de lado. De resto, a nossa adaptação como time foi muito boa, a estrutura daqui é muito boa. Então acho que está sendo uma experiência única.

Preparação para o VCT Americas 2023

A gente já tinha algumas coisas organizadas. Como Lock In era um campeonato que você perdia uma MD3 e acabava, não tinha como a gente mostrar 100% do nosso jogo. Acreditamos muito que vamos evoluir durante o campeonato e ainda não mostramos todo o nosso potencial. Desde o Lock In até agora nós só temos aprimorado as coisas que a gente já tinha, não tentamos inventar muitas coisas novas. Na Ascent por exemplo, onde perdemos para a Fnatic, melhorarmos certas coisas e acho que evoluímos bastante. 

Vitória na estreia contra a KRÜ

A Split acabou ficando um pouco difícil porque perdemos um anti-eco quando estava 3×0 para nós. Poderíamos ter alargado ainda mais o resultado e eles acabaram voltando para o jogo por conta disso. Mas quando viramos para o ataque, começamos a entender muito bem o padrão deles. Comunicamos bastante e nos acalmamos bastante durante os rounds decisivos. O Khalil também fez a boa em alguns momentos cruciais, principalmente o segundo pistol e isso foi um fator muito grande para sairmos com a vitória. 

A Ascent é um dos nossos mapas mais fortes. A gente entende bem o mapa. Acho que a mesma coisa que aconteceu na Split também aconteceu na Ascent, acabamos perdendo um anti-eco e o momento do jogo ficou muito para os caras da KRU. Aí ficamos sem economia e eles fizeram mais uns três rounds por conta disso. Mas depois a gente se adaptou, rolou mais armados e conseguimos colocar nosso jogo em campo e isso contou bastante. 

Primeira vitória de um time brasileiro contra a KRÜ

Claro que é muito bom ganhar da KRU, principalmente porque a gente sabe da rivalidade, mas não é algo que a gente colocou na cabeça, que o Brasil é freguês. A gente não se importou muito com isso, querendo ou não é algo bem artificial, coisa do passado. Eles estão com outra line-up, em 2021 e 2022 eles tinham o mazino e o delz1k. Eu acho que tem sim esse gostinho a mais, só que não é algo que mudou muito para nós. 

Próximo confronto contra a Leviatán

Acho que vai ser um bom jogo. A Leviatán é um time que tá bem sólido desde a época que eles formaram o elenco. É um time muito bom de mira também e que entende do jogo. O que a gente espera melhorar principalmente é um pouco a nossa calma. Querendo ou não por ser estreia, a gente acaba entrando um pouco mais afobado em alguns momentos e vamos buscar melhorar isso, ainda mais nesses rounds econômicos que eu citei. De resto eu acho que mandamos bem contra a KRU e conseguimos impor nosso jogo.

Objetivos da FURIA no VCT Americas 2023

Nossa visão é que estamos trabalhando por metas. Nossa meta agora é se classificar para os playoffs. Claro, todos os times querem ser campeões, todo mundo quer vencer. Mas nossa meta é chegar no mata-mata e quando chegarmos lá nos preparar para conseguir a vaga para o Masters. E consequentemente, se acharmos nosso momento e aumentarmos nossa confiança, quem sabe disputar o título. Mas queremos que isso aconteça de forma natural. Primeiro queremos cumprir nossas metas jogo por jogo até chegar em uma possível final ou top 3. Vamos bem devagar mesmo, sem querer dar um passo maior que a perna. 

A FURIA foi a primeira brasileira a estrear no torneio, com uma convincente vitória diante da latina KRU Esports. Já a LOUD começa sua caminhada na competição contra seus compatriotas do MIBR, no dia 2 de abril, a partir de 16:00h.

Confira a cobertura completa do VCT Américas 2023 com calendário de jogos, tabela, resultados e outras informações aqui no Mais Esports. LOUD, FURIA e MIBR são as representantes brasileiras na competição.

Foto de mwzera, jogador da FURIA que disputa o VCT Americas 2023
(Foto: Riot Games)
Pedro Mitke

por Pedro Mitke

Publicado em 02 de abril de 2023 • Editado há 1 ano

Matérias Relacionadas
Valorant
VCT Americas 2024: pANcada pode retornar a LOUD para a Etapa 2
Valorant

VCT Americas 2024: pANcada pode retornar a LOUD para a Etapa 2

Após vários rumores em relação ao futuro de pANcada, o jogador pode retornar a LOUD, segundo as apurações do Mais Esports.

Há 1 dia
Valorant
VCt Americas 2024: qck anuncia saída da LOUD
Valorant

VCt Americas 2024: qck anuncia saída da LOUD

qck revelou em suas redes sociais que está livre para receber propostas de outras equipes de VALORANT. O jogador deixa a LOUD após 6 meses.

Há 1 dia
Valorant
Game Changers Brasil 2024: Team Liquid é pentacampeã do torneio
Valorant

Game Changers Brasil 2024: Team Liquid é pentacampeã do torneio

A Team Liquid é pentacampeã do Game Changers Brasil 2024! O elenco venceu o MIBR por 3 a 1 na grande final da Etapa 1.

Há 2 dias
Valorant
VALORANT: Qual é a composição mais utilizada no jogo?
Valorant

VALORANT: Qual é a composição mais utilizada no jogo?

Atualmente o VALORANT conta com 24 agentes para serem combinados, mas você sabe qual é a composição mais utilizada no joog? Confira.

Há 2 dias
Valorant
VCT Americas 2024: Stk sobre LOUD: “Algumas opções que podem acontecer”
Valorant

VCT Americas 2024: Stk sobre LOUD: “Algumas opções que podem acontecer”

A comunidade se movimentou com possíveis alterações na LOUD após a eliminação no VCT Americas, em um vídeo stk falou sobre a situação.

Há 3 dias
Valorant
Game Changers Brasil 2024: MIBR e Team Liquid se enfrentam na final
Valorant

Game Changers Brasil 2024: MIBR e Team Liquid se enfrentam na final

A Team Liquid venceu a Revoada por 3 a 1 e garantiu a vaga na grande final da Etapa 1 do Game Changers Brasil 2024 contra o MIBR.

Há 3 dias

















































Campeonatos Atuais