×





×





×





×





×


Logo MaisEsports
Notícias
Campeonatos
Outros
Mais Esports

VCT Americas 2023: Como LOUD, FURIA e MIBR chegam para o torneio

Valorant

O VCT Americas 2023 começa neste sábado (1) e o Brasil terá três representantes na competição. LOUD, FURIA e MIBR chegam à primeira edição da Liga em momentos diferentes, porém com objetivos em comum: brigar pelo título e por uma das três vagas da região no Masters de Tóquio, segundo torneio internacional de VALORANT de 2023. 

Com a competição cada vez mais próxima de começar, o Mais Esports preparou uma matéria especial comentando sobre cada um dos times brasileiros, suas escalações, expectativas e relembrou as campanhas dos quintetos no VCT Lock In, campeonato que aconteceu em São Paulo e abriu a temporada competitiva. 

LOUD

Foto da equipe de VALORANT da LOUD, que disputará o VCT Americas
LOUD no Lock In após vitória contra a DRX (Divulgação/Colin Young-Wolff/Riot Games)

A LOUD chega ao VCT Americas como uma das grandes favoritas ao título. Apesar das mudanças realizadas no final do ano passado, a equipe brasileira provou no VCT Lock In que continua apresentando um VALORANT de altíssimo nível e seguirá disputando todos os troféus da atual temporada. 

Agora sem Sacy e pANcada, que deixaram o time para se juntar à Sentinels, a escalação da LOUD conta com cauanzin atuando como iniciador e tuyz ocupando a posição de controlador. Mesmo tendo trocado de função, o ex-TBK teve ótimas atuações no VCT Lock In e deu conta do recado, enquanto o ex-Ninjas in Pyjamas não sentiu a pressão de substituir Sacy e foi essencial para que a equipe brasileira chegasse na decisão do torneio internacional. 

Aspas segue mostrando que é um jogador muito acima da média com sua Jett e Saadhak continua liderando a escalação com maestria. Já Less, além de ter mantido o alto nível apresentado em 2022, agora também está ocupando a posição deixada por Sacy como second caller da equipe e assumiu um papel maior de liderança dentro da escalação.

Mesmo sendo um time novo, a LOUD mostrou que é uma verdadeira ameaça durante o VCT Lock In. Por muito pouco, o time não conquistou o título em São Paulo e ficou com o vice após perder para a Fnatic por 3 a 2 na decisão do torneio internacional. A equipe brasileira tem altas expectativas e é uma das favoritas ao título ao lado da NRG. 

FURIA

Equipe de VALORANT da FURIA
(Foto: Riot Games)

Durante o VCT Lock In, foi possível ver uma nítida evolução da FURIA. A equipe brasileira eliminou a T1 sem muitas dificuldades e deu trabalho para a Fnatic, que viria a ser a grande campeã da competição. A adição de mwzera, que chegou para substituir ablej, elevou consideravelmente o nível da equipe, que tem tudo para fazer uma boa campanha no VCT Americas 2023. 

Além de mwzera, a FURIA manteve a base da equipe que disputou os dois splits do VCT Brasil 2022 e a última edição do VALORANT Champions. Qck, mazin, dgzin e Khalil seguem na escalação e são jogadores que possuem uma mira acima da média. A chegada do ex-Vivo Keyd adicionou ainda mais poder de fogo para os panteras, que serão uma equipe forte na competição. 

Apesar da excelente mira e da boa apresentação no VCT Lock In, a FURIA ainda terá que se provar contra os melhores times do competitivo. Mesmo iniciando a liga como uma das favoritas a uma das vagas no Masters de Tóquio, o título ainda não está tão próximo e os panteras precisarão mostrar que estão no nível de times como LOUD, NRG e Leviatán. 

Apesar disso, a FURIA é uma das equipes com maior potencial de crescimento do VCT Americas. Se em pouco tempo com a nova formação a equipe brasileira já bateu de frente com a forte Fnatic, só o tempo pode dizer o quão longe o quinteto pode crescer na temporada. 

MIBR

Equipe de VALORANT do MIBR, que disputará o VCT Americas

Dos três times brasileiros que disputarão a Liga das Americas, o MIBR é o que mais corre por fora. Com três jogadores que representaram a Vivo Keyd em 2022 e dois atletas que já faziam parte da organização no ano passado, o time treinado por bzkA, campeão mundial com a LOUD, terá que mostrar que consegue competir de igual para igual com os melhores. 

A escalação do MIBR é capitaneada por murizzz e conta com heat, frz, RgLM e jzz. Os três primeiros contam com experiência internacional disputando torneios por outras equipes, enquanto os outros dois atletas têm apenas o VCT Lock In no currículo quando se fala de competições de VALORANT do mais alto nível. 

Durante o VCT Lock In, o MIBR acabou sendo eliminado ainda na primeira rodada após ser derrotado pela tailandesa Talon. A equipe brasileira não era a favorita para o confronto e por se tratar de uma estreia diante da torcida, a pressão pode ter tido um impacto negativo. Apesar da derrota por 2 a 0, o quinteto fez uma boa série e os placares dos jogos foram próximos, o que mostra o potencial de crescimento da escalação. 

Por se tratar de uma equipe relativamente nova, não é fácil dizer o quão longe o MIBR pode chegar no VCT Americas. Todos os jogadores do time tem uma mira acima da média e a comissão técnica liderada por bzkA certamente trará boas ideias para o servidor, mas neste momento é difícil ver o time brasileiro brigando pelo título. Apesar disso, uma vaga no Masters de Tóquio não está descartada. 

VCT Americas
(Foto: Mais Esports)

Confira a cobertura completa do VCT Américas 2023 com calendário de jogos, tabela, resultados e outras informações aqui no Mais Esports. LOUD, FURIA e MIBR são as representantes brasileiras na competição.

A FURIA será o primeiro time a estrear na competição. Os panteras encaram a latina KRÜ no dia 1 de abril, às 19:00h. Já a LOUD começa sua caminhada na competição contra seus compatriotas do MIBR, no dia 2 de abril, às 16:00h.

Pedro Mitke

por Pedro Mitke

Publicado em 30 de março de 2023 • Editado há 1 ano

Matérias Relacionadas
Valorant
VCT Pacífico 2024: DRX move Stax para o banco de reservas
Valorant

VCT Pacífico 2024: DRX move Stax para o banco de reservas

A DRX anunciou a movimentação de Stax para o banco de reservas da organização. O jogador estava no elenco desde 2020.

Há 8 horas
Valorant
Masters Shanghai 2024: cNed elimina aspas e destaca superioridade da FUT
Valorant

Masters Shanghai 2024: cNed elimina aspas e destaca superioridade da FUT

Em um confronto entre dois duelistas campeões do Champions, cNed levou a melhor e eliminou aspas da competição.

Há 10 horas
Valorant
VCT Americas 2024: pANcada será o novo jogador da LOUD
Valorant

VCT Americas 2024: pANcada será o novo jogador da LOUD

pANcada será o novo jogador da LOUD para a Etapa 2 do VCT Americas 2024, segundo as apurações do Mais Esports.

Há 11 horas
Valorant
Masters Shanghai 2024: “Dava para ter performado melhor”, diz aspas sobre desempenho
Valorant

Masters Shanghai 2024: “Dava para ter performado melhor”, diz aspas sobre desempenho

Na coletiva pós-jogo da Leviatán, aspas falou das dificuldades para fechar a série e de seu desempenho individual no Masters Shanghai 2024.

Há 12 horas
Valorant
Masters Shanghai 2024: Leviatán está eliminada do torneio
Valorant

Masters Shanghai 2024: Leviatán está eliminada do torneio

A FUT Esports conquistou a última vaga para os playoffs do Masters Shanghai 2024 nesta segunda-feira (27) e eliminou a Leviatán do torneio.

Há 13 horas
Valorant
Masters Shanghai 2024: “Estou tentando me divertir”, diz Wo0t sobre jogar de duelista
Valorant

Masters Shanghai 2024: “Estou tentando me divertir”, diz Wo0t sobre jogar de duelista

A Team Heretics conquistou a vaga para os playoffs do Masters Shanghai 2024. Na coletiva de imprensa, Wo0t falou sobre jogar de duelista.

Há 14 horas

















































Campeonatos Atuais