×





×





×





×





×


Logo MaisEsports
Notícias
Campeonatos
Outros
Mais Esports

Wild Rift: Omegha confirma presença de MiT na comissão técnica

Wild Rift

O ex-treinador de League of Legends, MiT, faz parte da comissão técnica da equipe de Wild Rift da Omegha Esports. A confirmação veio pela organização em uma nota oficial nessa terça-feira (21) após uma reportagem do portal MGG relatando que o ex-jogador estava presente juntamente da equipe na Singapura, em disputa pelo Mundial do game mobile.

“Gostaríamos de deixar claro que, sim, o MiT possui vínculo com a nossa organização atuando como parte de nossa comissão técnica de Wild Rift”, explica a nota que você confere logo abaixo.

MiT foi acusado em janeiro de 2021 de abuso sexual pela tatuadora Daniela Li. Na ocasião, Daniela disse que marcou de sair com MiT por um aplicativo de relacionamento e que foi abusada dentro de um carro. Logo após, ele foi banido da Twitch.

“Verificamos que o Gabriel não possui nenhuma ação de natureza penal onde ele tenha sido acionado”, continua a nota. “As ações que existem foram movidas por ele próprio, contra a prática de calúnia e difamação onde procura reparação judicial. Nós apuramos os casos antes de contratarmos o serviço prestado”, explica.

O técnico atual inscrito pela Omegha no circuito profissional de Wild Rift é Wonder. Segundo a reportagem do MGG, ele estaria atuando como “fachada” para a atuação de MiT sem o conhecimento da comunidade. Na apuração do jornalista Luís Santana, a Omegha citou que ele era um “colaborador” da comissão técnica.

O Mais Esports chegou a entrar em contato com a Riot Games para saber se MiT foi inscrito oficialmente pela organização em algum momento dessa temporada, mas até o presente momento não obteve uma resposta.

Wild Rift Omegha MiT
Imagem: Montagem/Mais Esports

Em maio de 2021, o site The Enemy descobriu que MiT levantou um processo contra a série de denúncias levantadas, mas ele corre em Segredo de Justiça — o que significa que o conteúdo não está disponível ao público. O tweet que deu origem à polêmica, inclusive, está restrito devido a uma decisão judicial.

A Omegha está presente na Singapura para representar o país no campeonato Mundial de Wild Rift. Ela venceu a final brasileira em maio na cidade de Belo Horizonte por quatro jogos a três contra a Vivo Keyd na grande final. Toda a cobertura do Wild Rift Icons 2022 você acompanha aqui no Mais Esports.

Maximilian Rox

por Maximilian Rox

Publicado em 21 de junho de 2022 • Editado há 2 anos

Matérias Relacionadas
League of Legends
Jogador alcança elo máximo em todos os jogos da Riot e fala sobre o mais difícil
League of Legends

Jogador alcança elo máximo em todos os jogos da Riot e fala sobre o mais difícil

Um jogador conseguiu alcançar o elo máximo no League of Legends (LoL), VALORANT, Teamfight Tactics (TFT), Legends of Runeterra e Wild Rift.

Há mais de 1 ano
League of Legends
Djoko sobre Baiano e Wild Rift: “Ali é coragem pura, sem medo”
League of Legends

Djoko sobre Baiano e Wild Rift: “Ali é coragem pura, sem medo”

Coach falou de sua relação com Baiano e contou como surgiu convite para participar do competitivo de Wild Rift com a Só Agradece.

Há mais de 1 ano
Wild Rift
Riot oficializa fim do competitivo de Wild Rift no Ocidente
Wild Rift

Riot oficializa fim do competitivo de Wild Rift no Ocidente

Wild Rift só continuará com competitivo na Ásia. Riot Games Brasil estuda possibilidade de manter eventos especiais com parceiros em 2023.

Há mais de 1 ano
Wild Rift
Wild Rift: Riot Games deve anunciar fim do competitivo no Brasil
Wild Rift

Wild Rift: Riot Games deve anunciar fim do competitivo no Brasil

Com baixa audiência, Riot focará o cenário competitivo de Wild Rift somente em países do Sudeste Asiático, Coreia e China

Há mais de 1 ano
Wild Rift
Wild Rift: “É um passo importante” comenta Ravena sobre torneio feminino
Wild Rift

Wild Rift: “É um passo importante” comenta Ravena sobre torneio feminino

Ravena Dutra, caster de Wild Rift, conversou com o Mais Esports e falou sobre a importância do Wild Circuit Game Changers feminino. Veja!

Há mais de 1 ano
Wild Rift
Wild Rift: “Pela primeira vez, sinto orgulho de mim”, comemora Noelle
Wild Rift

Wild Rift: “Pela primeira vez, sinto orgulho de mim”, comemora Noelle

O Mais Esports conversou com as jogadores da TBK Esports, finalista do torneio feminino de Wild Rift, o Wild Circuit Game Changers. Veja!

Há mais de 1 ano

















































Campeonatos Atuais