CBLOL 2021: “Podem esperar uma INTZ agressiva”, diz Envy antes de estreia

League of Legends
De:Vitor Ventura-
January 15, 2021

O CBLOL 2021 está chegando. Neste sábado (16), a temporada competitiva de League of Legends, no Brasil, começa oficialmente, e a atual campeã, INTZ, estreia contra uma das grandes novidades da liga para este ano: o Cruzeiro.

Em entrevista ao Mais Esports, o mid laner dos intrépidos, Envy, falou sobre o início da temporada, a equipe montada pela INTZ para este ano, que foi praticamente toda reformulada com as saídas de Tay, Shini e RedBert, e as chegadas de Boal, Cabu e o retorno do ídolo multicampeão, Revolta, e mais.

Continue após a publicidade

“Podem esperar uma INTZ agressiva, sem medo de ir para cima e bem ativo”, declarou Envy. O jogador afirma ainda que essa postura é um aprendizado dos últimos splits com a última equipe. “É a mentalidade ideal que desenvolvemos ao longo dos anos e vamos tentar continuar fazendo o que já fazíamos, mas melhor.”

Retorno do tricampeão, Revolta

Sobre a chegada de Revolta, experiente e consagrado jogador do cenário brasileiro, Envy diz estar bastante empolgado para o começo da temporada ao lado do novo companheiro. “Ele tem bastante conhecimento do jogo, além de ter uma ideia diferente de jogo, então pode ser algo muito benéfico para nós, até para somar os nossos conhecimentos. Talvez cheguemos num nível que não alcançamos antes.”

revolta INTZ
Revolta terá sua terceira passagem na INTZ em 2021 (Foto: Divulgação/INTZ)

Em suas antigas equipes, o caçador costuma exercer um papel de liderança dentro do elenco, algo que não era visto na INTZ campeã de 2020. Como o próprio Envy contou, os intrépidos não tinham um shotcaller específico.

“A dinâmica do time mudou um pouco. Na equipe passada, eu não precisava falar tanto, isso cabia mais ao Tay e ao Shini, nossa botlane era mais reservada, apesar do RedBert comunicar também. Mas agora, como não temos pessoas que falam muito, eu tenho elevado meu nível de comunicação, ao menos nos últimos treinos. O Revolta fala bastante também, e o restante tem uma comunicação suficiente”, declarou Envy.

CBLOL com 10 times é mais difícil?

Com a adição de dois times, agora o CBLOL será composto por dez equipes, o maior número desde o começo da liga. Para o mid-laner, o aumento de participantes torna mais difícil identificar o estilo de alguns times. “No CBLOL passado, tínhamos três chances contra o mesmo time. Você podia jogar os dois primeiros jogos vendo o que o adversário faz e você já tira vários padrões, e no terceiro você vinha com tudo, ou até descobria mais coisas para os playoffs.”

“Agora com o CBLOL mais curto, os times terão menos tempo para destrinchar os adversários e terá muita diferença de gameplay e visão. Serão muitos estilos diferentes e acho mais difícil sim, para a staff também”, conclui.

1ª semana contra Cruzeiro e RED Canids

Por fim, pensando nos adversários da estreia (Cruzeiro e RED Canids), Envy explica sua mentalidade de que “não há times fracos no CBLOL”, ou seja, todos podem vencer todos. “Nunca subestimo meu oponente.”

Envy declara que, apesar do Cruzeiro ser uma surpresa, não subestima nenhum adversário (Foto: Riot Games)

“Temos uma ideia de como a RED joga, porque eles estão com a mesma equipe faz bastante tempo e eles já jogaram muitos jogos, até recentemente na Liga Loading, Nós temos uma ideia, mas é claro que eles podem vir diferentes, melhores, mas sabemos o estilo deles. Já o Cruzeiro é mais uma surpresa, pois não vimos quase nenhum jogo deles e é uma line nova, então podemos esperar algo só de ver os players, mas nada certeiro. Vamos tentar jogar o nosso jogo da melhor forma possível e sair com a vitória”, finaliza Envy.

A INTZ estreia no CBLOL 2021 contra o Cruzeiro, neste sábado (16), às 16h. No dia seguinte, será a vez de enfrentar a Matilha, que volta à elite do LoL brasileiro depois de quase três anos na Segunda Divisão. O duelo entre o campeão do CBLOL e do Circuito Desafiante está marcado para às 13h.

Você confere a cobertura completa do CBLOL aqui no Mais Esports.

Veja também: FURIA anuncia a contratação de Edward, ex-Moscow Five e Gambit