CBLOL 2021: Eliminado, Maestro abre possibilidade de mudanças na INTZ para 2º split

League of Legends
De:Vitor Ventura-
March 13, 2021

A INTZ está oficialmente fora dos playoffs do 1º split do CBLOL 2021. Os intrépidos ainda tinham uma pequena chance de classificação quando entraram em campo neste sábado(13), mas a derrota para o adversário direto, KaBuM!, pôs um ponto final nas expectativas da equipe, que jogará o clássico contra a paiN somente para cumprir tabela.

Após a derrota de hoje para os Ninjas, Maestro participou da coletiva de imprensa, onde mais uma vez lamentou a campanha bem abaixo do esperado por parte da INTZ, além de traçar os próximos passos visando a próxima etapa do CBLOL, esta que dá vaga ao Mundial de LoL.

Maestro é atual campeão do CBLOL pela INTZ (Foto: Riot Games)

“Vamos sentar, planejar os próximos meses… Há um hiato entre o 1º e 2º split do CBLOL, queremos aproveitar esse tempo da melhor forma possível para estarmos preparados. Veremos quando tempo será de folga, se haverão mudanças ou não… Vamos conversar tudo isso no início da próxima semana, provavelmente”, declarou Maestro.

O treinador completa afirmando que já é sabido que as coisas devem ser diferentes, caso a INTZ queira um resultado melhor no semestre que vem. “Ter calma, sentar, conversar e alinhar as expectativas.”

Apesar do resultado negativo, Maestro acredita que a INTZ fez um bom trabalho ao mesclar jogadores de diferentes níveis de experiência competitiva. Por exemplo, o elenco era formado por Revolta, Micao e Envy, grandes nomes já consagrados do cenário, além de Boal e Gyeong, duas jovens promessas.

Maestro prega calma e paciência para planejar o 2º split

O coach afirma que cada organização do CBLOL tem seu planejamento, seja orçamentário, ou até do perfil que deseja ter na competição. “E eu acho que é isso que temos que fazer, continuar buscando o perfil do que nós procuramos, de poder trabalhar junto, etc. Nós fizemos um trabalho interessante, mas faltou unir essas experiências.”

“Agora temos que sentar, discutir, ver quem não está alinhado com a ideia, definirmos um rumo e ver se será necessária alguma mudança, seja de jogador, seja de staff, ainda precisamos conversar sobre isso. Mas acho que o mais importante é focar em cultura e perfil de trabalho, para em três meses, estarmos prontos para disputar as primeiras posições”, completa.

A INTZ não tem mais chances de classificação, mas busca uma última vitória para, ao menos, encerrar da melhor forma sua participação nesta etapa. No domingo (14), os intrépidos disputam o clássico PAINTZ pela redenção no split.

Você confere a cobertura completa do CBLOL aqui no Mais Esports.

Veja também:Tinowns comenta evolução da paiN e Robo de carry