CS:GO: Jogadores comentam mudanças na rotação: “Eu nunca ouvi falar do mapa Ancient”

CS:GO
De:Pedro Mitke-
May 4, 2021

Na última segunda-feira (3), a Valve anunciou a saída do mapa Train da rotação competitiva do CS:GO para a entrada da Ancient, o que pegou a comunidade, incluindo os profissionais, de surpresa. Enquanto alguns jogadores apenas comentaram em suas redes sociais estarem tristes pela troca, outros foram além e afirmaram que nem sequer ouviram falar ou testaram o mapa Ancient antes da atualização, o que reforça a narrativa de que a mudança repentina pode ter sido um erro por parte da desenvolvedora.

Confira as reações dos atletas sobre a entrada da Ancient na rotação competitiva:

O brasileiro TACO, bicampeão mundial de CS:GO e atual jogador da GODSENT, comentou em seu Twitter que “nunca ouviu falar do mapa Ancient” e que “não faz ideia se ele é um bom mapa ou não”.

Continue após a publicidade

 

S1mple, eleito o melhor jogador do mundo de CS:GO em 2019 e considerado um dos maiores da história, se incomodou e foi ao Twitter rir ironicamente da situação e comentar “que mapa é esse pessoal?”.

 

Já Magisk, da Astralis, afirmou ter achado a mudança interessante e disse que apesar de nunca ter jogado o mapa Ancient antes, gosta de desafios.

 

Xantares, da BIG, também se mostrou decepcionado com a decisão da Valve: “Sem Cache, sem Cobblestone e sem Tuscan, apenas Ancient. Eu Quero chorar”, afirmou o jogador turco.

 

Twistzz, jogador da FaZe, disse estar animado para aprender um novo mapa e afirmou que mal pode esperar para começar a treinar.

 

Shox, da Vitality, foi mais um que pareceu gostar da mudança. O francês comentou estar animado por conta da rotação ter um mapa diferente e que vai adorar aprender como ele será jogado e todas os seus truques.

 

Pouco tempo após o update, EliGE, da Team Liquid, foi ao Twitter reclamar da otimização ruim do mapa Ancient, afirmando que o FPS de seu jogo oscilava bastante entre 150 e 200 mesmo jogando em um PC potente e que isso precisaria ser resolvido o mais rápido possível.

Apesar da crítica, o norte-americano também comentou que nunca viu uma comunidade que odeia tanto mudanças como a do CS:GO, brincando que o jogo tem os mesmos mapas por mais de duas décadas e que os jogadores usam os mesmos periféricos de 7 anos atrás.

 

 

Outros grandes nomes do cenário como FalleN, popularmente conhecido como “Rei da Train”, v$m, arT e Gaules não comentaram diretamente sobre a entrada da Ancient na rotação competitiva através de suas redes sociais, porém se mostraram desapontados pela saída da Train.

 

 

 

 

Apesar da mudança ter sido anunciada nesta segunda-feira, ainda demorará algum tempo para que uma partida profissional aconteça na Ancient. Isso porque a Valve afirmou que os primeiros torneios do Regional Major Ranking, que dará pontos de acesso para o PGL Stockholm Major 2021 e acontecem em breve, continuarão utilizando a rotação competitiva antiga, que ainda conta com o mapa Train.

Veja também: Gaules chega ao top 3 da Twitch em abril, confira o ranking