CS:GO: Luminosity oficializa dispensas; jogadores manterão vagas na Pro League e ECS

CS:GO
De:Roque Marques-
September 12, 2019
luminosity lg minor
Jogadores da Luminosity no minor americano do StarLadder Berlin Major (Foto: Igor Bezborodov/StarLadder)_

A Luminosity Gaming confirmou a dispensa imediata de seus jogadores de Counter-Strike: Global Offensive. A organização canadense afirmou que, “depois de considerações cuidadosas”, decidiu encerrar o vínculo do elenco brasileiro.

A informação, adiantada pelo Mais Esports, foi confirmada pela LG nesta quinta-feira.

Continue após a publicidade

Com isso, Ricardo “boltz” Prass, Lucas “steel” Lopes, Gabriel “NEKIZ” Schenato e Rafael “zakk” Fernandes estão livres de contrato. Emprestados, João “felps” Vasconcellos e Felipe “skullz” Medeiros tem vínculos com MIBR e W7M Gaming, respectivamente.

As situações de Lucas “LUCAS1” Teles, emprestado à MIBR, e Henrique “HEN1” Teles, no banco de reservas, não foram esclarecidas.

De acordo com zakk, os jogadores tem interesse em permanecer juntos – a organização que tiver interesse, porém, terá de fazer acertos por felps e skullz. A LG afirmou em nota que as vagas da ESL Pro League e da Esports Championship Series permanecerão com os jogadores e irá ajudá-los a encontrar uma nova casa.

“Foi uma das decisões mais difíceis que tive que fazer como fundador da companhia. Começamos a organização como CS:GO e de muitas maneiras eu devo o sucesso a esse jogo e aos jogadores, estou orgulhoso do que conseguimos alcançar juntos”, afirma Steve “Buyaka” Maida, fundador e presidente da Luminosity.

“Um troféu de major, muitos troféus. Levantamos uma comunidade, um país. A paixão dos brasileiros é inigualável e me motivou pessoalmente. Eu não tenho arrependimentos. Demos tudo que tínhamos. Lutamos. Perdemos. Triunfamos. Contra tudo. Obrigado a todos do fundo do meu coração por deixar a LG e eu sermos partes da história”, completou.

A dispensa interrompe um investimento de quatro anos da Luminosity no cenário brasileiro. Em 2015, a equipe contratou a então ex-Keyd Stars e, no ano seguinte, alcançou o título de campeã mundial na MLG Columbus. Posteriormente, a organização investiu nos jogadores ex-WinOut e ex-Immortals.