VÍDEO: Tarik agradece apoio brasileiro e crava: “Nós vamos fazer você nos respeitar”

CS:GO
De:Roque Marques-
August 31, 2019

Classificado com três vitórias em três jogos, Tarik “tarik” Cellik agradeceu o apoio da torcida brasileira. Em entrevista ao Mais Esports no StarLadder Berlin Major, o norte-americano falou sobre os fãs, a campanha da equipe e a vitória contra a Astralis.

Confira a entrevista na íntegra:

Continue após a publicidade

Mais Esports: Tarik, você fez 3-0 no New Legends Stage, como você se sente?

Tarik: Para ser honesto, estou meio que sem palavras. Foi uma vitória doida, bem cansativa. No primeiro mapa acho que jogamos mais de 60 rounds com todos aqueles overtimes, é difícil falar, eu usei muita energia naquele jogo e só estou feliz que, no segundo mapa, nos conseguimos resetar e mostrar para eles que somos um time forte.

No jogo da Train vocês tiveram muitos overtimes, como você se manteve forte, como manteve seu cérebro focado em jogar aquele jogo?

Foi bem difícil. No primeiro mapa eu estava ficando muito frustrado porque não estava jogando do meu jeito por um tempo ali e meus parceiros de time estavam carregando. Fico orgulhoso por eles, mas não posso deixar isso acontecer. Sinto que não joguei tão bem quanto podia naquele jogo, mas, o que foi chave para nós foi se manter positivo e ir levantando a nós mesmo, se outra pessoa não estivesse jogando bem, alguém tentaria facilitar para ela. Se manter positivo, beber energéticos para ter energia… foi bem estressante.

Você conseguiu esse 3-0 com duas grandes vitórias, contra Liquid e Astralis. Isso da um sabor extra para sua campanha?

Sim, é um boost na confiança. Isso é o que treinamos, nos preparamos para. Tivermos um bootcamp longo antes do evento e acho que é o trabalho valendo a pena para nós. Esse é o objetivo mínimo para nós, chegar ao top 8, mas, fazer dessa maneira, acho foi um boost de confiança e um sinal de como vamos nos sair no futuro. Esses times tem que começar a nos respeitar e é assim que vai ser.

É engraçado porque, eu sei que a NRG é um time do top 5, mas as pessoas não parecem respeitar muito vocês. Acha que isso vai mudar depois dessa campanha?

Com certeza. Se você não vai nos respeitar, nós vamos fazer você nos respeitar. Estamos mostrando nos jogos por agora e vamos continuar fazendo isso.

Você estava no time antes do stan chegar, agora ele está jogando muito bem e está liderando o time muito bem. O que mudou do time com daps para o time com stan?

Ele é um jogador diferente. Ele tem sido muito bom para nós até agora e eu amo como ele improvisa nas estratégias e a habilidade dele de fazer o lurk tão bem e seu conhecimento de jogo. Ele também é muito bom individualmente, acho que ele tem sido muito bom nos liderando, nos mantendo positivos e conduzindo os treinos com o Chet [treinador]. No geral, acho que estamos bem felizes, mas agora isso se resume a mostrar isso e nos provar com resultados. Até termos bons resultados, não poderemos ver quem era o encaixe certo. Espero que consigamos mostrar isso.

E claro, tenho que falar dos brasileiros torcendo por você. Ontem tivemos a #AlmoçoComTarik nos TTs do Brasil e hoje foi a mesma coisa, todo mundo assistindo, especialmente na stream do Gaules, e torcendo por você. Como você se sente com todo esse suporte brasileiro?

Quero mandar um ‘salve’ para o Brasil pois mesmo comigo não jogando pela MIBR vocês continuam me apoiando desde que eu sai. Tem sido ótimo, vocês tem um base de fãs muito grande e eu fico muito feliz pelo apoio. Tento apoiar os times brasileiros o máximo que posso, sei que eles estão sofrendo agora, mas assim que tiverem o elenco funcionando as coisa vão mudar. Espero que boas coisas venham para o Brasil no futuro.

Muito obrigado pela entrevista cara, sei que foi um dia difícil para você.

Obrigado, eu agradeço!