- Publicidade -

O treinador Thiago “Djoko” Maia não é mais o coach dos blumers. O treinador precisava realizar viagens exaustantes entre Juiz de Fora (MG) e São Paulo pois ele está terminando sua faculdade de medicina.

Djoko começou sua carreira na CNB em dezembro de 2014 quando deixou o posto de jungler da INTZ. Na época, a organização que havia perdido para a KaBuM na final do CBLOL teve uma mudança gigantesca em sua line-up.

Em 2016 Djoko teve os dois pontos mais críticos de sua carreira. Com ele no comando, o CNB ficou em último lugar na fase regular do primeiro split de 2016. Após vencer a série contra a G3X e a série de promoção contra a Remo Brave, o time se manteve no CBLOL. Já no segundo split, a história foi diferente. Com as contratações de Lep, Tin e Minerva, a CNB chegou na grande final da competição, porém, perdeu por 3-1 para a INTZ ficando em segundo lugar.

O ex-treinador continuará na comissão técnica da CNB como analista da equipe. O Mais e-Sports entrou em contato com o ex-Treinador que comentou como será a nova fase:

“A faculdade nos últimos períodos tem estágios de presença obrigatória, o que reduziria ainda mais meu tempo com o time. Preferi aproveitar o off-season para tentar a nova posição, que sempre me agradou bastante.

Não tenho problemas com a organização, nem com os jogadores, tanto que continuo meu trabalho com eles. Já preparei meu método de trabalho e acredito que conseguirei bons resultados como analista.”

O clube ainda não anunciou quem será o substituto de Djoko.