GC Masters Feminina III: LyttleZ cita “sensação indescritível” ao vencer o major feminino

CS:GO
De:Victor Hugo Porto-
August 2, 2021

A Jaguares Esports roubou o brilho da terceira edição da GC Masters. Apontado como o time azarão da fase final do major feminino, a equipe de LyttleZ derrotou FURIA e MIBR no último domingo (1) para levantar o título. A jogadora de 16 anos, escolhida MVP do torneio, não conseguiu descrever a sensação de passar por esses times e vencer o campeonato.

“Foi muito satisfatório. Nós sabíamos que estávamos fortes, mas eu não sabia que estávamos tão fortes a ponto de ganhar de 2 a 0 desses dois times. É uma sensação indescritível ganhar de times que estão no top 1 há mais de um ano, como é o caso da FURIA”, disse a jogadora na coletiva de imprensa.

A campanha das Jaguares na fase final começou na semifinal, às 19h, contra a FURIA, e venceram por 2-0. Na sequência, foi vez de enfrentar o MIBR em um confronto apertado, com o primeiro mapa decidido no overtime, e o segundo vencido pela Jaguares no placar mínimo do tempo regular.

Continue após a publicidade

LyttleZ falou de como foi manter o foco na final depois de já ter passado por uma semifinal no mesmo dia.

“Foi meio complicado, foi tudo muito rápido, saímos de um jogo, tivemos 20 minutos e já entramos em outro. Nesse meio tempo precisamos comer, mas nós estávamos tão animadas pro próximo jogo que acho que o cansaço de já ter jogado uma MD3 antes não afetou tanto”.

Foto da escalação da Jaguares
Elenco da Jaguares, campeão da GC Masters Feminina III (Foto: Divulgação/Jaguares)

Na Mirage, o MIBR ficou à frente do placar na maior parte do mapa, mas a Jaguares não deixou as adversárias abrirem vantagem. Com todo time afiado, LyttleZ e companhia conseguiram vencer rodadas essenciais na mira. A AWPER falou de onde surgiu essa confiança da equipe.

“Nós viemos treinando muito e isso com certeza ajudou, apesar de que Mirage não seja um mapa que treinamos tanto, mas já ter vencido da FURIA antes e ter vencido o primeiro mapa, nos deu mais confiança. Alguns pauses que demos, algumas leituras de jogo que fizemos, facilitou para a gente. Nós sabíamos o jeito que elas tavam jogando e sabíamos o que fazer para counterar isso. Algumas vezes que ficamos nervosas pausamos, todo mundo confiando em todo mundo, e foi dando certo”.

“Quando montamos o time, já sabíamos que seria muito forte. Conseguimos as pessoas para realizar cada função. Nos treinos, estávamos tendo resultados muito bons contra ótimos times, jogamos a GameXP e ganhamos de boas equipes, então ficamos mais confiantes. Nosso time é muito unido e acho que isso facilitou muito, todo mundo confia em todo mundo, isso é essencial”, continuou LyttleZ.

A Jaguares não terá muito tempo para comemorar o título. A equipe volta a jogar nesta segunda-feira (2) para tentar se manter no topo da fase de grupo da Grrrls League, torneio do circuito GameXP, e conseguir o acesso aos playoffs. LyttleZ comentou o futuro da equipe em novo patamar.

“Acho que vamos lidar bem, treinar mais e chegar ainda mais forte pros campeonatos. Amanhã já tem GameXP de novo, iremos com foco total, e acho que agora que vencemos de dois times do topo, vai dar bastante visibilidade para a gente e vamos treinar cada vez mais pesado”, finalizou.

Foto da LyttleZ, jogadora da Jaguares
LyttleZ, AWPER de 16 anos escolhida como MVP da terceira edição da GC Masters feminina (Foto: Divulgação/LyttleZ)