×





×





×





×





×


Logo MaisEsports
Notícias
Campeonatos
Outros
Mais Esports

LoL: 4Lan é condenado a prestar serviços comunitários por importunação sexual

League of Legends

4Lan foi condenado a prestar um ano de serviço comunitário por importunação sexual. O ex-jogador de League of Legends foi acusado de apertar a região dos glúteos de Giovana Tezoni, namorada de Rakin, durante uma festa na casa de brTT e Caju.

A sentença em primeira instância foi dada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) na última terça-feira (1°). 4lan foi condenado pelo artigo 215-A do Código Penal, que se refere à prática de ato libidinoso contra alguém e sem sua anuência.

Como a sentença foi em primeira instância, 4lan ainda pode recorrer à condenação.

O Mais Esports teve acesso à sentença. Por conta da sua primariedade e bons antecedentes, o juiz substituiu a pena privativa de liberdade por uma pena restritiva de direitos – sendo esta, a necessidade da prestação de serviços à comunidade.

O processo teve início em novembro de 2019, um mês após o ocorrido. Além da vítima Giovana, pessoas como Rakin e brTT também foram ouvidos. No inquérito policial, Thaís, amiga de Giovana, também disse que 4lan havia passado a mão na região dos seus glúteos. No entanto, posteriormente Thaís disse que não tinha certeza de quem esbarrou em seu corpo, mas manteve o discurso sobre o ocorrido com Giovana.

O juiz concluiu que o relato de Thaís não conta com modificação no que diz em relação à Giovana. A condenação do ex-jogador leva em consideração somente o ato contra Giovana, sendo ela a única vítima do caso.

Em contato com o Mais Esports, Felipe Machado Prates, advogado de Giovana, confirmou a condenação.

Ao ge, o advogado de 4Lan, Luiz Felipe Domingues Macedo Galvão Moura, disse que iria recorrer à sentença, mas que não pode dar mais detalhes porque o processo está em segredo de justiça.

Para o Mais Esports, 4Lan também afirmou que vai recorrer ao caso.

Relembre o caso

Em outubro de 2019, 4Lan foi acusado de assédio em uma festa realizada na casa de brTT e Caju. A vítima Giovana Tezoni publicou um vídeo no qual falava sobre o ocorrido e disse que iria com o caso até o fim na justiça.

Depois da acusação, 4Lan foi expulso da Team One.

Victor Hugo Porto

por Victor Hugo Porto

Publicado em 02 de fevereiro de 2022 • Editado há mais de 2 anos

Matérias Relacionadas
League of Legends
CBLOL 2024: Maestro fala sobre os testes do brTT na FURIA
League of Legends

CBLOL 2024: Maestro fala sobre os testes do brTT na FURIA

Em entrevista exlcusiva ao Mais Esports, o General Manager da FURIA, Maestro, contou mais sobre os testes do brTT na organização. Acessa!

Há 7 horas
League of Legends
CBLOL 2024: FURIA Maestro conta os desafios de ser General Manager
League of Legends

CBLOL 2024: FURIA Maestro conta os desafios de ser General Manager

Maestro contou com exclusividade ao Mais Esports sobre os desafios e o processo de se tornar General Manager dentro da FURIA. Acessa!

Há 7 horas
League of Legends
LoL: Pantheon AP? Riot testa mudanças interessantes no campeão
League of Legends

LoL: Pantheon AP? Riot testa mudanças interessantes no campeão

O Pantheon passou por mudanças significativas que prometem aumentar sua versatilidade no League of Legends. Veja mais detalhes.

Há 15 horas
League of Legends
Resposta LoLdle hoje – 27 de maio: veja todas as soluções do dia
League of Legends

Resposta LoLdle hoje – 27 de maio: veja todas as soluções do dia

Confira a resposta LoLdle hoje, dia 27 de maio. O mini-game de LoL traz diversos desafios de adivinhação do League of Legends.

Há 1 dia
League of Legends
Ignis Cup 2024: paiN Gaming é a grande campeã do 1° split
League of Legends

Ignis Cup 2024: paiN Gaming é a grande campeã do 1° split

E o segundo título seguido da paiN Gaming na Ignis Cup, e os dois foram em cima do mesmo time! Veja mais.

Há 2 dias
League of Legends
CBLOL 2024: Cofundador deixa o cargo de CEO da INTZ
League of Legends

CBLOL 2024: Cofundador deixa o cargo de CEO da INTZ

A INTZ seguiria sob uma nova direção a parir do segundo split do CBLOL 2024: Lucas Simon, co fundador da organização, deixou o cargo de CEO.

Há 2 dias

















































Campeonatos Atuais