LoL: GBM assume a Griffin como treinador e está de volta à LCK

League of Legends
De:Vitor Ventura-
December 16, 2019

Na manhã desta segunda-feira (16), o mid-laner sul coreano, Lee “GBM” Chang-seo, foi anunciado como treinador da Griffin e oficializa seu retorno à LCK após quatro anos desde sua última passagem na liga.

GBM atuava como mid-laner do Galatasaray, sua ultima equipe como jogador. Na Turquia, ele ainda vestiu as camisas de Supermassive e Royal Youth. Antes da TCL, o jogador atuou no NA, pela NRG Esports e eUnited (2016 e final de 2017, respectivamente) e, nesse meio tempo, na Team Vitality, na Europa (início de 2017).

Na Coreia, ele jogou profissionalmente por dois anos, entre 2013 e 2015, com passagens por CJ Entus e Jin Air. De volta à sua terra natal, GBM dividirá a comissão técnica da Griffin com H Dragon (Head Coach), Chaos (Coach) e Chico (Trainee Coach).

A Griffin segue mudando sua equipe de League of Legends após os polêmicos acontecimentos que tomaram conta da organização neste segundo semestre de 2019. Depois de ser investigada por irregularidades na transferência de Kanavi para a JD Gaming, a Griffin também passou por períodos delicados quando seu treinador, cvMax, foi desligado da equipe após conflitos com o Diretor Cho Gyu-nam, que se retirou do cargo posteriormente.

Na época, o CEO da Still8, empresa-mãe da Griffin, anunciou que pede desculpas por todos os acontecimentos e afirmou que a equipe seria reformulada.

Dentro do Rift na temporada 2019, a equipe colheu bons resultados. Na LCK, liderou os dois splits deste ano, porém foi vice-campeã para a SKT nas duas etapas. No Mundial, a Griffin chegou aos playoffs da competição, mas foi eliminada pela IG nas quartas de final.

Veja também: Clearlove se aposenta como jogador e vira treinador da EDG