LoL: Riot anuncia o fim da OPL após liga não atingir metas estabelecidas

League of Legends
De:Vitor Ventura-
October 7, 2020

Uma notícia pegou o mundo dos Esports de surpresa na madrugada desta quarta-feira (7). A Riot Games Global, junto de seu escritório em Sydney, Austrália, anunciou que a Oceania Pro League (OPL), principal torneio de LoL da Oceania, será encerrada após liga não atingir as metas e se tornar insustentável.

Criada em 2015, a OPL será englobada à LCS e os jogadores da Oceania não contarão como estrangeiros na liga norte-americana, o que “abrirá grandes oportunidades para os melhores jogadores da OPL”, alega a Riot Games. Apesar do fim da liga, em 2021 ainda serão organizados torneios qualificatórios para que a região seja representada nos grandes torneios internacionais, MSI e Mundial. Porém, a Riot não informou se haverão esses mesmos torneios a partir de 2022.

“Na Riot Games, queremos construir ligas competitivas e sustentáveis que gerem crescimento comercial, engajamento de fãs e que apoiem os profissionais para uma carreira em tempo integral. Infelizmente, apesar dos maiores esforços dos nossos times e jogadores, a OPL não atingiu os objetivos como liga, e não acreditamos que o mercado é atualmente capaz de suportar a liga no formato atual”, diz o anúncio oficial, escrito por Malte Wagener, diretor geral da América do Norte e Oceania, e Tom Martell, diretor global de operações em Esports.

Além do encerramento da liga, o escritório da Riot Games em Sydney também será fechado.

Legacy última campeã da OPL

Portanto, 2020 foi o último ano da OPL como liga oficial da publisher. A Legacy Esports foi a última grande campeã da competição, tendo conquistado os dois splits da temporada, além da melhor campanha que a região já viu até então. A equipe formada por Topoon, Babip, Tally, Halo, Raes e Isles chegou em 2º lugar no Grupo A da Fase de Entrada, vencendo equipes como SuperMassive, MAD Lions e a brasileira INTZ. Os australianos também disputaram um desempate contra a Team Liquid pelo primeiro lugar.

Com a derrota no tie-breaker, a Legacy ficou com a segunda colocação e foi direto para a segunda rodada eliminatória, uma Md5 que decidirá o último classificado para a Fase de Grupos. Na série, a chinesa LGD se mostrou implacável e venceu por 3×0, eliminando a equipe da OPL.

Veja também: Worlds 2020: Babip avalia Mundial da Legacy e lamenta: “sonho continuará sendo sonho”