LoL: “Sou o cara mais chato do cenário em treinos, mas sei ganhar títulos”, diz brTT

League of Legends
De:Bruno Rodrigues-
September 1, 2021

Durante o Clickbait Podcast, brTT comentou sobre como lida com as derrotas no competitivo de LoL e aproveitou um pouco para falar sobre a sua postura durante os treinos. O atirador afirmou que provavelmente é o “mais chato do cenário em treinos”, mas que “sabe ganhar títulos”.

O assunto começou quando um espectador perguntou como brTT lidava com as derrotas, e o jogador respondeu que, quando ele sente que poderia ter jogado melhor, aquilo acaba abalando toda a sua semana.

Toda derrota é muito ruim, ninguém fica feliz com a derrota, mas quando eu sinto que o time perdeu porque eu não rendi o que poderia, é algo que me quebra absurdamente, acaba com a minha semana. Fico a semana toda pensando o que poderia ter feito melhor, o que posso fazer melhor essa semana para não acontecer novamente, e durante os treinos eu fico insuportável.

Continue após a publicidade

Postura do brTT durante os treinos

CBLOL 2021 brTT
brTT com o troféu do primeiro split do CBLOL 2021. Foto: Reprodução/paiN

Shevii, um dos anfitriões do podcast, perguntou se brTT reclama muito nos treinos e o atirador não hesitou em responder que “é um dos caras mais chatos do cenário durante os treinos”.

Se eu reclamo durante os treinos? Provavelmente sou um dos caras mais chatos do cenário durante os treinos! Não sei se alguém já assistiu ao documentário do Michael Jordan, mas eu sou ele no time, sou o cara que ninguém suporta, mas que sabe ganhar títulos.

brTT falou que atrasos no treino tiram sua paciência, e que ele gosta que todos estejam prontos no horário, a não ser que seja algum imprevisto que não está no controle da pessoa.

Eu só atraso se acontecer alguma coisa na minha vida que não tem como não atrasar, mas nunca motivos de não acordar no horário, perder o horário, coisas do tipo. Se o treino está marcado para às 12h eu estou lá às 12h no Discord, se deu cinco minutos o time não chegou eu já fico pensando o porque meu time ainda não está aqui, então já começo o treino meio mal-humorado.

O atirador da paiN também falou que sempre dá os seus “200%”, mas que quando percebe que alguém não está levando o treino a sério, também já fica nervoso.

Se eu chego na parada para dar os meus 200% e vejo que alguém está de palhaçada, boa sorte para treinar meu filho. Eu estou aqui para dar a vida e você vai chegar de palhaçada? Não é assim que funciona! […] Às vezes quando a gente vai começar a treinar e eu escuto o cara com voz de sono, já muto o meu microfone na hora para não falar merda.

Veja o corte completo com brTT logo abaixo: