LoL: Yampi se emociona ao lembrar da CNB

League of Legends
De:Vitor Ventura-
March 5, 2020

A Prodigy Esports terminou o último fim de semana de CBLoL com uma vitória e uma derrota, contra Redemption e Vivo Keyd, respectivamente. Apesar disso, a equipe se encontra na parte de cima da tabela, em 3º lugar com placar de 5-3.

Os jogadores da PRG, o jungler Yampi e o top laner, fNb, concederam uma coletiva de imprensa após a partida do último domingo (1º) onde falaram sobre as novidades do meta, rivalidades e possíveis confrontos no CBLoL. Porém, durante a coletiva, Yampi se emocionou ao ser perguntado sobre sua trajetória profissional, começando na CNB, organização que não está mais presente no League of Legends competitivo.

Continue após a publicidade

Ele começa respondendo sobre um vídeo publicado pelo perfil oficial dos Blumers, onde ele aparece sentado atrás de Nappon, o observando atentamente enquanto joga. O vídeo é datado de março de 2016, quatro anos atrás, quando o agora caster era caçador do time titular e Yampi fazia parte do time B, o CNB Infinity. “Acabei achando por bobeira o vídeo e dei RT.”

“Eu nem sei dizer o que senti, é muito estranho. Passou…” (nesse momento ele interrompe sua fala e fica em silêncio por alguns segundos). “Não sei porquê já estou assim (risos, seguidos por mais uma pausa) Não consigo falar, eu tô tentando…” Ele é confortado por fNb, que coloca a mão em suas costas e pede para o companheiro respirar.

Yampi tenta novamente seguir o raciocínio: “Passou muito rápido, mas é uma evolução. Eu passei… Eu to tentando” (risos). “Como eu falei, passou muito rápido, eu passei por muita coisa lá, eu tenho uma gratidão enorme por eles…”

O caçador revelado pela CNB decidiu encurtar sua fala, pois admitiu que não conseguiria concluir o raciocínio. “É uma gratidão enorme, sabe? E mostra que o meu esforço não foi em vão.” Encerra Yampi, sendo agraciado por uma salva de palmas dos jornalistas presentes.

O jungler chegou ao competitivo entre o final de 2016 e início de 2017, quando subiu da base ao time principal da CNB. Nos Blumers, ele revezou de posição, ora jogando em sua função original, ora atuando também na rota do Topo. Em maio do ano passado, ele optou por deixar a equipe e se transferiu à PRG, que havia acabado de ser rebaixada.

Um split depois, a CNB também sofreu com o rebaixamento e, logo em seguida, anunciou que daria uma pausa na sua atuação no cenário profissional de League of Legends. Os Blumers ainda possuem equipes de base.

Já em outro contexto da coletiva, fNb foi questionado sobre quem ele mais gosta de enfrentar. Na coletiva anterior, com a Vivo Keyd, o top laner Robo havia dito que gostava de enfrentar fNb na rota pelo seu estilo agressivo. Apesar do elogio do adversário, o topo da PRG afirma que também gosta de enfrentá-lo, mas colocou Parang, da KaBuM, acima dele.

“É o cara que eu mais aprendo jogando contra. Depois do Wizer, é quem mais me desafia, na questão de ser agressivo. Ele é o tempo todo assim, do Lv.1 ao 18.”

A partir da última Semana do CBLoL, os jogos seriam disputados na Arena do On e-Stadium, por conta da interdição dos estúdios Quanta, que normalmente recebe o CBLoL. Sobre a mudança de espaço, Yampi e fNb falaram o que mudou também na hora de jogar.

Yampi reclamou do tamanho da mesa no novo estúdio. [a foto acima foi tirada no Quanta] (Foto: Riot Games)
Para o caçador, o tamanho da mesa no “novo” local é um pouco menor, o que o deixa desconfortável. “Não sei se alguém já viu a mesa do CBLoL, mas é um espaço maior para os equipamentos, a tela é muito em cima e, eu uso óculos, mas a tela fica bem na minha cara.”

Já fNb falou da iluminação: “Não to tão acostumado com a iluminação. Não sei se é a mesma ou se mudou, mas eu consigo ver bastante coisa ao redor da tela, então eu não consigo focar 100% na tela, ainda estou me acostumando com isso.”

A PRG ocupa a terceira colocação do CBLoL, atrás somente de Vivo Keyd e Flamengo. No próximo fim de semana, os prodígios enfrentam a FURIA, no sábado (7) e o Flamengo, no domingo (8).

Você pode conferir a cobertura completa do CBLoL aqui no Mais Esports.

Veja também: Djoko revela “teoria da conspiração” sobre os últimos patchs