×





×





×





×





×


Logo MaisEsports
Notícias
Campeonatos
Outros
Mais Esports

Opinião: Já está liberado hypar o Fluxo da consistência

League of Legends

Se você acompanha o CBLOL por amar torcer, por gostar do competitivo ou até mesmo por apenas ser um fã do bom League… você devia estar vendo com bons olhos o Fluxo. Independente do que te prenda ao CBLOL 2024, o Fluxo da consistência é o LoL arte!

Tudo começa no draft

Pra mim a beleza desse time já começa nos picks e bans, vamos olhar uma comparação dos dois primeiros jogos:

Inicialmente queria dizer que é muito legal ver a flexibilidade dos jogadores: Kiari, Scamber e Trigo trouxeram propostas bem diferentes para dentro do jogo. Exemplificando: o Scamber atuou tão bem quanto de Peel (Braum) e engage (Leona), o Trigo de DPS (Kog’Maw) quanto com um campeão para habilitar lutas (Jhin).

Essa característica beneficia muito os dois jogadores que, até este momento, não tiveram tantas atuações plásticas e individuais (e nem precisam se continuarem assim). No entanto, isso não impediu o top-laner de ser um absurdo nos jogos.

Vamos falar um pouco mais sobre o top-laner do Fluxo?

Kiari tem uma função importante nos drafts, sendo um jogador sempre pronto para responder o draft oponente: seja pegando uma Gwen para afundar um K’Sante ou optando por um Gragas, só pra ter um counter no Jax.

E algo que vale acrescentar: a melhoria cada vez mais notória do top-laner passa também pela staff. No primeiro split, o assistant coach do Fluxo, Juc, já tinha comentado sobre:

“Acho que uma das vitórias que eu posso considerar pra mim no processo do Fluxo, é o trabalho com o Kiari. Uma das minhas funções é de ser positional de Top, e acho que ele evoluiu bastante a lane phase dele. A parte do mid-game o OnMeta é o encarregado, e eu cuido mais de uma parte que eu adoro: a do draft, mas com certeza a minha maior vitória é a evolução do Kiari, independente do time em que trabalho, meu foco é sempre trabalhar com top-lane”

Então, unindo as falas do Juc sobre a força do draft junta com a profundidade do top, parabéns ao técnico. Kiari lidera, na sua lane, nas estatísticas de Diferença de XP aos 15, soladas, Dano por Minuto e % de Dano da Equipe.

Na foto, o top-laner do Fluxo 2024.2, Kiari
(Imagem: Divulgação/CBLOL)

O time que contraria estatísticas

Apesar do Kiari liderar várias, as estatísticas do Fluxo não são a chave para ver a beleza, mas sobre isso: o Onmeta nos explicou um pouco melhor.

Sobre as diferenças dos dois splits, especificamente no early game, eu sinto que a essência do grupo mudou de um split para o outro. Sinto que sim, a gente tinha um early game porque a gente jogava com recompensas mais altas, mas com riscos mais altos. Sinto que como a palavra do time agora é mais consistência, a gente procurou um pouco menos de risco, mesmo que isso nos traga um pouco menos de recompensa, para chegar no meio do jogo e a gente consiga tomar as melhores decisões, sem que tenha acontecido algum percalço muito grande no começo do jogo.

Na foto, o técnico OnMeta do Fluxo
(Imagem: Divulgação/CBLOL)

Esse tipo de característica foge um pouco aos números, mas é visível como o Fluxo evita lutas ruins, joga na própria visão e acima de tudo: não tem medo de cadenciar a partida para acumular recurso. Prova disso foi o jogo mais longo do fim de semana: paiN x Fluxo.

Consistência: a palavra que define o Fluxo

Se aprofundando dentro desses conceitos da essência de consistência do Fluxo, vamos ver este frame:

 

(Imagem: Divulgação/CBLOL)

Se liga como top e suporte estão alinhados do ADC e Jungle e Mid estão juntos. A paiN, por outro lado, está dividida: dois carrys em um lado, o suporte mais próximo do jungler e o top nem tá na play. O problema dos Tradicionais é: o Fluxo tem toda a informação.

No momento em que os carry’s da paiN pisam na planta do Jhin, que concede visão, o Gragas prende eles na parede com o R e aí vem a sequência: W do Jhin, E do Gragas, e o time todo vira no foco da luta. Tanto TitaN quanto Dynquedo flasham, o que já é uma vitória, só que tudo ganha mais valor com a morte do mid-laner da Tradicional.

E depois disso é Dragão, B e controle do Barão. Olha a visão que a paiN tinha do pit:

(Imagem: Divulgação/CBLOL)

Em um minuto após esse frame o Fluxo: mata três jogadores, pega Barão e leva uma torre tier 2. O Trigo comentou na coletiva sobre esse misto de ser calmo e, ao mesmo tempo, letal:

Eu sinto que a gente tem um mix muito bom de agressividade e de calma, então hoje, por exemplo, eu sinto que a gente conseguiu fazer isso bem, se tinha algum jogador querendo ser mais agressivo na hora que não devia, a gente conseguia botar o pé dele no chão, ou se a gente queria ser calmo demais em certo ponto, os jogadores que são mais agressivos jogavam a gente mais para frente. Então eu acho que está sendo bem tranquilo essa troca nesse quesito e acho que está sendo muito bom para o nosso time.

A fala reflete muito como o misto de experiência e juventude, é a arma do Fluxo da consistência.

Na foto, o ADC do Fluxo 2024.2, Trigo
(Imagem: Divulgação/CBLOL)

Craque e Coringa: o Shini veio com tudo

É impossível não ressaltar o trabalho do Shini aqui, o Capita Coringa é a voz mais ativa – pelo o que se pode perceber no Na Escuta – e eleva muito este mid/late game arrumado do Fluxo. Só que se engana quem pensa que o fator Craque se dá só na fase mais avançada do jogo, olha este relato do Fuuu:

Acho que a adição do Shini me fez começar a pensar, principalmente minha lane phase, de um jeito diferente. Antigamente eu sentia que eu era um jogador muito de gap, de procurar janela, e agora eu sinto que eu tenho um jogo muito mais sólido, com menos janela de erro, e começo a pensar mais nessas coisas, porque ele é um cara que eu considero muito inteligente, então ele me ajuda a pensar nessas coisas.

Na foto, o mid-laner do Fluxo 2024.2, Fuuu
(Imagem: Divulgação/CBLOL)

A personificação dessa consistência, Shini prova que sua fala sobre querer ser campeão não é conversa fiada. O Fluxo é um time na mesma página, onde todos têm seu brilho, coordenado e consistentes – como citou o professor o Onmeta.

Se liga, por exemplo, em como o Shini impõe sua voz ativa pra conseguir um objetivo:

Com o Shini comandando o misto de jogadores com boa experiência e jovens talentos, eu faço das palavras do técnico do Fluxo, as minhas também:

Bom, eu acho que já pode hypar esse Fluxo sim!

Na foto, o ADC do Fluxo 2024.2, Trigo
(Imagem: Divulgação/CBLOL)
Sérgio Fiorini

por Sérgio Fiorini

Publicado em 04 de junho de 2024 • Editado há 10 dias

Matérias Relacionadas
League of Legends
CBLOL 2024: Por que a decisão de fusão com a LCS e LLA foi tomada agora?
League of Legends

CBLOL 2024: Por que a decisão de fusão com a LCS e LLA foi tomada agora?

Em entrevista exclusiva ao Mais Esports, Caco Antunes, head de esports das Américas, contou o motivo de a decisão ter sido feita já após o começo do split.

Há 3 horas
League of Legends
CBLOL 2024: Head de Esports fala sobre o Tier 2 do Brasil em 2025
League of Legends

CBLOL 2024: Head de Esports fala sobre o Tier 2 do Brasil em 2025

O Head de Esports do LoL nas Américas, Caco Antunes, abriu o jogo sobre o futuro do Tier 2 em 2025. Confira o que falou o Head, acessa!

Há 4 horas
League of Legends
CBLOL 2024: Malrang não jogará a terceira semana pela KaBuM
League of Legends

CBLOL 2024: Malrang não jogará a terceira semana pela KaBuM

O sul-coreano Malrang, considerado uma das principais contratações da KaBuM este ano no CBLOL 2024, será movido para a reserva. 

Há 5 horas
League of Legends
LCK 2024: T1 estreia com vitória em data importante para os fãs do Faker
League of Legends

LCK 2024: T1 estreia com vitória em data importante para os fãs do Faker

A T1 começou com vitória no segundo split da LCK 2024. O bom resultado foi em cima da NS, justo em uma data importante para os fãs do Faker. Acessa!

Há 9 horas
League of Legends
Resposta LoLdle hoje – 14 de junho: veja todas as soluções do dia
League of Legends

Resposta LoLdle hoje – 14 de junho: veja todas as soluções do dia

Confira a resposta LoLdle hoje, dia 14 de junho. O mini-game de LoL traz diversos desafios de adivinhação do League of Legends.

Há 12 horas
League of Legends
LoL: Taxa de bans da Ahri quase dobra após lançamento de skin do Faker
League of Legends

LoL: Taxa de bans da Ahri quase dobra após lançamento de skin do Faker

A skin de 1400 reais do Faker foi lançada para a Ahri e vem causando revolta nos fãs, tanto que a taxa de banimento da campeã quase dobrou

Há 1 dia

















































Campeonatos Atuais