×





×





×





×





×


Logo MaisEsports
Notícias
Campeonatos
Outros
Mais Esports

VCT Lock In: “Competição mais difícil que eu já disputei”, diz Less após vice da LOUD

Valorant

Neste sábado (4), a LOUD foi derrotada pela Fnatic em uma série muito disputada e ficou com o segundo lugar do VCT Lock In. Após a partida, a equipe brasileira conversou com a imprensa e falou sobre a decisão, a virada dos europeus na Icebox, o apoio da torcida brasileira, a experiência adquirida na competição e muito mais.

Foto de Less, jogador da LOUD que disputa o VCT Lock In
(Foto: Riot Games)

SENTIMENTO DE REALIZAÇÃO MESMO COM A DERROTA

Saadhak: A derrota dói, mas, quando você tem o público com tanta energia positiva e torcendo tanto, mesmo perdendo eles estão gritando e apoiando, fazendo com que tudo seja mais simples. Mesmo a gente perdendo, fizemos nosso trabalho, deixamos tudo lá dentro. Como profissionais, nos sentimos realizados.

APOIO DA TORCIDA NO IBIRAPUERA

Saadhak: Eu acho que todo mundo ganhou uma experiência muito linda, que é o fato de ter uma torcida te apoiando o tempo todo. É uma coisa que nem todas as pessoas do mundo conseguirão ter. Ter pessoas atrás de você te apoiando na profissão que você faz, com cada abate que você consegue. Vamos levar isso para a vida, uma torcida incrível, com muito amor e muito apoio. 

VIRADA NA ICEBOX

Saadhak: Eu acho que demoramos um pouco para entender como eles estavam jogando. E mesmo entendendo e fazendo um anti tático e as coisas certas, quando não é para ser não é para ser. É uma bala que não entrou, uma double kill. No momento sentimos que entendemos bem o que eles queriam fazer e a leitura estava boa, só que faltaram alguns detalhes. Acontece.

LESS ASSUMIU PAPEL DE LIDERANÇA NA LOUD

Less: Para mim essa competição foi a mais difícil que eu já disputei. Além de ter ficado doente, eu também atuei como second caller do time. Então para mim foi uma experiência dupla e uma coisa muito diferente. Eu acredito que eu ter jogado bem a final foi só consequência do nosso trabalho. Eu estou muito acostumado a jogar nesses mapas, então acaba sendo um pouco de sorte também, porque todo mundo do nosso time pode se destacar muito. É muito uma questão de estar no lugar certo na hora certa. Mas a coisa mais difícil para mim foi ser o second caller, é muito diferente. 

Sendo bem sincero, para mim é algo muito novo. Está sendo algo muito legal porque é o meu sonho e eu acredito que estou fazendo isso muito bem. Na minha opinião meu maior destaque nessa final foi ser o second caller do time. Estou feliz com o trabalho que eu fiz em relação a isso e creio que estou no caminho certo.

LOUD UTILIZARÁ A EXPERIÊNCIA NO LOCK IN PARA SE FORTALECER

Saadhak: Eu acho que o mais difícil quando você tem um time novo é passar por muitas experiências que podem chegar a destruir um time. E a gente está fazendo isso com maestria. Ou seja, se a gente tivesse perdido por 3 a 0 estaríamos tendo outra conversa nesse momento. Mas conseguimos uma virada impressionante, resetamos e trouxemos dois mapas para nós. O que quero dizer com isso: É um processo. O time está construindo a nossa história, estamos passando por muitas experiências que vão nos deixar mais fortes no futuro. O aprendizado é esse, escapou um mapa agora, já sabemos o que erramos e para o próximo campeonato vamos ter uma solução e uma casca para que não aconteça de novo. 

CAUANZIN FALA DO PRIMEIRO TORNEIO PELA LOUD

Cauanzin: Foi incrível essa experiência, eu não imaginava que iria chegar logo na final. Essa experiência foi a melhor de todas, a gente teve uma derrota que vai criar uma casca. Eu tive uma derrota parecida, contra a ZETA. Mas essa foi diferente, foi uma final com md5. Para mim está sendo uma experiência muito incrível. O objetivo de a gente jogar esse campeonato foi cumprido. A gente está com muita experiência. Para mim está sendo algo incrível.

LOUD VOLTARÁ MAIS FORTE

Saadhak: A nossa filosofia e o que a gente vem treinando nesses meses, nós vamos manter. Agora temos um novo desafio que é morar em outro país e com outro idioma. Vamos passar por um período de adaptação e voltar com os treinos todos os dias para melhorar. 

CONVERSA PÓS DERROTA

Cauanzin: Na nossa conversa pós jogo que a gente teve, eles mostraram que isso é normal e faz parte do processo. Eles disseram que vamos aprender muito com essa derrota e que vamos estudar isso para voltar mais forte.

LOUD TEVE BOM DESEMEPNEHO NO LOCK IN

Saadhak: Nós fomos mais longe do que eu achei que chegaríamos. Eu não achava que chegaríamos à final. Estar aqui jogando uma final no Brasil é muito mais do que imaginávamos. Nós fomos muito bem, nós vamos levar esta experiência para melhorar.

QUAL É A LIGA MAIS FORTE DO VALORANT?

Saadhak: Realmente senti que todas as equipes estavam num nível muito bom. Todas as três ligas serão muito competitivas. Dará para ver bom nível em qualquer partida jogada. A EMEA ganhou, então, pode estar sendo a mais forte agora.

VCT Lock In aconteceu entre os dias 13 de fevereiro e 4 de março na cidade de São Paulo. A competição foi a maior da história do FPS da Riot Games e contou com a participação de todas as 30 equipes aprovadas no sistema de franquias – entre elas as brasileiras LOUD, MIBR e FURIA -, e mais duas organizações convidadas da China.

Confira a repercussão da final do torneio:

Pedro Mitke

por Pedro Mitke

Publicado em 05 de março de 2023 • Editado há 1 ano

Matérias Relacionadas
Valorant
VCT Pacífico 2024: DRX move Stax para o banco de reservas
Valorant

VCT Pacífico 2024: DRX move Stax para o banco de reservas

A DRX anunciou a movimentação de Stax para o banco de reservas da organização. O jogador estava no elenco desde 2020.

Há 15 horas
Valorant
Masters Shanghai 2024: cNed elimina aspas e destaca superioridade da FUT
Valorant

Masters Shanghai 2024: cNed elimina aspas e destaca superioridade da FUT

Em um confronto entre dois duelistas campeões do Champions, cNed levou a melhor e eliminou aspas da competição.

Há 17 horas
Valorant
VCT Americas 2024: pANcada será o novo jogador da LOUD
Valorant

VCT Americas 2024: pANcada será o novo jogador da LOUD

pANcada será o novo jogador da LOUD para a Etapa 2 do VCT Americas 2024, segundo as apurações do Mais Esports.

Há 18 horas
Valorant
Masters Shanghai 2024: “Dava para ter performado melhor”, diz aspas sobre desempenho
Valorant

Masters Shanghai 2024: “Dava para ter performado melhor”, diz aspas sobre desempenho

Na coletiva pós-jogo da Leviatán, aspas falou das dificuldades para fechar a série e de seu desempenho individual no Masters Shanghai 2024.

Há 19 horas
Valorant
Masters Shanghai 2024: Leviatán está eliminada do torneio
Valorant

Masters Shanghai 2024: Leviatán está eliminada do torneio

A FUT Esports conquistou a última vaga para os playoffs do Masters Shanghai 2024 nesta segunda-feira (27) e eliminou a Leviatán do torneio.

Há 20 horas
Valorant
Masters Shanghai 2024: “Estou tentando me divertir”, diz Wo0t sobre jogar de duelista
Valorant

Masters Shanghai 2024: “Estou tentando me divertir”, diz Wo0t sobre jogar de duelista

A Team Heretics conquistou a vaga para os playoffs do Masters Shanghai 2024. Na coletiva de imprensa, Wo0t falou sobre jogar de duelista.

Há 21 horas

















































Campeonatos Atuais