×





×





×





×





×


Logo MaisEsports
Notícias
Campeonatos
Outros
Mais Esports

CS:GO: Campeão na lan, v$m desabafa: “Consegui provar que não sou o que eles falam”

Geral

v$m, da DETONA, durante a decisão da Aorus League (Foto; Roque Marques/Mais Esports)

Vinicius “v$m” Moreira tirou um peso dos ombros. Um dos destaques do Counter-Strike: Global Offensive nacional em 2018, o jogador assegurou o título da terceira temporada da Aorus League e finalmente deu fim as piadas sobre “pronetagem” dele e dos companheiros de DETONA Gaming.

“Eu estou muito feliz com o título. É minha segunda lan, na primeira eu não consegui jogar muito bem e nessa eu consegui, assim como [todo] o time. [Conseguimos o título] mesmo com o Tuurtle entrando recentemente. Foi um pouquinho difícil, mas estávamos treinando muito para isso”, contou v$m em entrevista ao Mais Esports no estúdio da Talent Experts, em São Paulo.

O jogador não escondeu o alívio por finalmente conseguir um título presencial. Com apenas uma lan no currículo, v$m e seus companheiros sempre foram alvo de críticas por só participar, e vencer, em torneios online.

Para o jogador, as críticas eram ainda mais pesadas. Isso porque, no fim do ano passado, v$m teve seu nome ligado a uma conta com um banimento VAC em registro e foi banido por tempo indeterminado de torneios oficiais da Valve – os minors e majors.

“Eu estou muito contente. Era um peso enorme, ainda mais em mim. Todos falam do negócio da Valve e muita gente fica falando m****. Isso é ruim para mim, mas agora conseguimos ganhar e eu acredito que vão falar menos. Eles vão acreditar mais no nosso time”, desabafou.

“Consegui provar que não sou o que eles falam. Peço para que acreditem em mim e que tudo vai dar certo”, completou.

PRO LEAGUE NO HORIZONTE

Agora, o foco da DETONA é a 9ª edição da ESL Pro League. A equipe está no grupo latino, que será disputado entre os dias 23 e 25 de abril, nos Estados Unidos.

“Vai ser muito difícil. Jogar contra os melhores não é fácil. Aumentamos nosso tempo de treino, estamos entrando mais cedo, treinando das 17h30 à 0h todos os dias. [Fazendo treino] tático, assistindo demo e aquecendo a mira. Vamos chegar confiantes”, afirmou v$m.

“Estou muito [ansioso], quero muito jogar contra os caras”, completou.

O SONHO DO MAJOR

Nos bastidores, a DETONA trabalha para tirar a punição de v$m junto à Valve, liberando-o para disputar os torneios do circuito oficial da publicadora do CS:GO. O jogador não quis comentar sobre o ban e os trâmites para a liberação, mas minimizou o impacto dela na sua carreira – apesar de deixar claro que gostaria de jogar o principal torneio do cenário.

“Desde que eu comecei a jogar CS eu quis sempre jogar o maior campeonato. O CS:GO surgiu e meu sonho foi jogar um major. Jogar os outros vai ser a mesma coisa, [o major] é só um campeonato a menos, faz diferença, mas não é tanta diferença assim”, contou.

“Eu sonho [em um dia jogar um major]. Acredito que um dia isso acontece”, finalizou.

Roque Marques

por Roque Marques

Publicado em 25 de março de 2019 • Editado há 5 anos

Matérias Relacionadas
Geral
Quais são as 10 maiores premiações nas competições de esports?
Geral

Quais são as 10 maiores premiações nas competições de esports?

Qual é o esport com a maior premiação possível no ano de 2024? Confira na matéria o top-10 modalidades que mais pagam!

Há 2 dias
Geral
Entenda como será o requisito de participação da Copa do Mundo de Esports
Geral

Entenda como será o requisito de participação da Copa do Mundo de Esports

A Copa do Mundo de Esports além de ter data e modalidades confirmadas, agora foi divulgada como vai funcionar a participação das equipes. Acessa!

Há 4 dias
Geral
Brasileiro ganha R$ 1,5 milhão na Betboom
Geral

Brasileiro ganha R$ 1,5 milhão na Betboom

Você já se imaginou ficando milionário em menos de quatro minutos? Pois bem, na última semana um brasileiro conseguiu esse feito na Betboom!

Há 13 dias
Geral
CEO da FURIA cita “estereótipo do ocidente” sobre Arábia Saudita
Geral

CEO da FURIA cita “estereótipo do ocidente” sobre Arábia Saudita

CEO da FURIA, André Akkari falou sobre a organização estar entre 30 equipes que receberão dinheiro de um investimento da Arábia Saudita.

Há 16 dias
Geral
FURIA e LOUD receberão investimento de até “seis dígitos” de fundo Saudita
Geral

FURIA e LOUD receberão investimento de até “seis dígitos” de fundo Saudita

A fundação da Copa do Mundo anunciou um fundo de investimento em 30 organizações de esports, e a FURIA e LOUD são as representantes brasileiras nessa lista. 

Há 17 dias
Geral
Presidente Lula sanciona Marco Legal dos Games
Geral

Presidente Lula sanciona Marco Legal dos Games

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou nesta sexta-feira (3) o Marco Legal dos Games à indústria de jogos eletrônicos no Brasil.

Há 19 dias

















































Campeonatos Atuais