A final de Tetris mais emocionante até hoje

Geral
De:Maximilian Rox-
January 11, 2021

“Tetris for Jonas.”

Essa foi a frase que eu mais ouvi quando descobri o cenário profissional de Tetris. Pra mim, sempre foi uma surpresa agradável mergulhar em um game competitivo e descobrir seus legados — e foi aqui que conheci o de Jonas Neubauer. Heptacampeão mundial aos 37 anos de idade e que faleceu no início de 2021.

Até 2017, Jonas era imparável no cenário competitivo. Conquistou sete vezes o Classic Tetris World Championship, a competição oficial do jogo tradicional do NES. É até legal ver como é a estrutura profissional para um game da época do Nintendinho, mas logo depois você se envolve sem parar pela habilidade dos jogadores.

E você relembra essa conquista no vídeo logo abaixo.

Mas a final que mudou a minha percepção não foi essa. Quando Jonas já tinha acumulado sete títulos em seu currículo, ele enfrentou Joseph Saelee nas finais da CTWC 2018. Um jogador novato de 17 anos contra um heptacampeão mundial.

De um lado, a experiência. Do outro, o talento.

E que final. Não só pelo quanto os dois jogaram muito bem e me mostraram, pela primeira vez, o quão emocionante é uma partida de Tetris. Mas pelas histórias que ambos acumularam até ali.

Hoje é o melhor dia para você assistir isso.

Ao final, Joseph explodiu de emoção. Nem a entrevista como campeão ele conseguiu conduzir e foi Jonas quem subiu na stream para falar e elogiar seu oponente.

“Uma honra passar a tocha para uma nova geração de jogadores de Tetris.”

Essa frase me marcou. Marcou pela sinceridade. Marcou pela nobreza de um jogador ao perceber o quanto o outro também fez história.

Tetris Jonas

Descanse em paz, Jonas. Sua pontuação por aqui foi histórica.