- Publicidade -

A Riot Games anunciou que a partir dessa quinta-feira (4) já estão abertas as inscrições das equipes que estudam entrar no sistema de franquia, que passará a estar vigente em 2021. O prazo final das inscrições será no dia 28 de junho de 2020.

As organizações que se inscreverem serão avaliadas pela Riot Games antes de serem aprovadas. Conforme revelou o Globo Esporte, as equipes que já estão no CBLoL e no Circuito Desafiante precisarão desembolsar R$4 milhões para entrar na franquia. Já para as outras, será R$4,4 milhões.

Ainda não foi definido se serão 8 ou 10 equipes, sendo a segunda opção a mais desejada pela Riot. Para se inscrever, as organizações devem seguir as instruções disponíveis no site da publisher.

“Criamos um modelo totalmente adaptado para o mercado brasileiro, com base nos aprendizados de ligas como a LCS e a LEC, mas também consideramos características específicas do nosso mercado e região”, disse Carlos Antunes, head de Esports da Riot Games Brasil.

Ao confirmar a entrada na franquia, cada equipe e a Riot Games terão um vínculo a longo prazo. O CBLoL deixará de ter o sistema de rebaixamento e assim o Circuito Desafiante chegará ao fim. Ainda não foi revelado se haverá o sistema de “academy” e/ou torneios regionais, entre outros.

CBLoL 2020
Logo do CBLoL no estúdio da competição (Foto: Riot Games)

Veja também: “Jogar no mid vai ser difícil nesse split”, declara Dynquedo