LoL: Goku diz que “não teve opção” sobre ida para o Academy e revela planos para 2022

League of Legends
De:Bruno Rodrigues-
July 22, 2021

Em 2021 o mid laner Goku, uma das estrelas do Flamengo no League of Legends, foi movido para a equipe de base da organização, decisão que surpreendeu a toda a torcida. Na época, o jogador citou sua condição psicológica como fator que ele “subestimou”, e que após buscar ajuda profissional, resolveu dar uma pausa na sua carreira.

“Minha ideia inicial era dar uma pausa na carreira para o próximo split, tendo em mente que eu ainda tenho contrato com o Flamengo até 2021. Mas, em consenso com a organização, vou dar um passo para trás para, futuramente, dar dois passos para frente. Então, decidi que jogarei no Flamengo Academy no primeiro split de 2021”, comentou o jogador na época em que a mudança foi anunciada.

Goku no Flamengo Academy

Goku Flamengo
Goku durante o CBLoL 2020 (Foto: Riot Games/Reprodução)

Durante o Combo Podcast, Goku revelou que não queria jogar o Flamengo Academy, mas não teve opção, já que ainda estava em contrato com a organização.

Na verdade, a escolha não foi minha, eu não pedi para jogar o Academy. Claro, o jogador pode chegar e pedir para jogar lá, mas a notícia veio para mim de última hora e eu não tenho o que fazer, pois tenho contrato, mas não foi escolha minha. Eu estava totalmente fora do que ia acontecer no time, e poucos dias antes de contratarem ou anunciarem o Tutsz, eles me avisaram que eu ia para a Academy, e foi nessa hora que eu pensei ‘pô, não sei se quero jogar no Academy’, tipo, a Academy não é para mim e todo mundo sabe, tanto é que eu joguei agora e ganhamos, não é que era óbvio, mas era a obrigação.

O jogador comentou que a organização falou para ele as razões da decisão (não citadas do podcast), mas que basicamente o planejamento foi feito sem ele. “Meio que eu sobrei e fui para a academy, estou sobrando, meio que não estou no plano A deles”, ressaltou.

Ida de Goku para a posição de suporte

https://twitter.com/flaesports/status/1402288806401806336

Após o título no Flamengo Academy, novamente a comunidade foi surpreendida com outra mudança: Goku jogará como suporte do time. Claro que os fãs não esperavam a decisão, afinal o jogador havia ganhado o título do CBLOL Academy com direito a Pentakill na final. Na época o jogador citou um burnout, dizendo que talvez a troca de posição o ajudasse nisso, mas durante o Combo Podcast ele falou mais a fundo sobre os motivos da sua decisão.

Primeiro, suporte é uma posição muito carente no Brasil. Segundo, a maioria dos suportes não são decisivos, às vezes o campeão é playmaker, mas a maioria dos jogadores são muito passivos. Terceiro, eu posso olhar mais o mapa jogando de suporte, posso fazer o que eu quiser no mapa sem me preocupar com farmar, por exemplo. Quarto, eu gosto muito de jogar de suporte, me divirto muito jogando na posição.

Planos do atleta para 2022

Goku sendo homenageado no museu do Flamengo
Goku foi homenageado no museu do Flamengo, junto a atletas de outras modalidades do clube. (Foto: Divulgação/Flamengo)

Ao ser questionado sobre o seu futuro, Goku deixou claro que seu contrato acaba em novembro e em 2022 ele vê duas opções: jogar no CBLOL novamente ou ir para outra região.

Eu não sou jogador de Academy e deixo isso bem claro para todo mundo, não faz sentido eu jogar lá, então é CBLOL ou outra região, não tem outra opção. Mas eu acredito que consigo dar outro título para o Flamengo, mas depende total das circunstâncias, se eu vou ter a oportunidade. Se eu não tiver, vou olhar outros times no Brasil, e caso eu não goste (das propostas) eu vou olhar para fora, não tem outra opção. O meu desejo é jogar o CBLOL pelo Flamengo!

Veja abaixo o vídeo do Goku falando o seu futuro:

Você confere a cobertura do CBLOL Academy 2021 aqui no Mais Esports. Veja também a nossa cobertura do CBLOL 2021, competição em que o Flamengo é o atual líder.