- Publicidade -

Um dos maiores jogadores de Call of Duty da história decidiu deixar o competitivo. Nesta quinta-feira (5), Karma, tricampeão mundial do FPS e membro do Seattle Surge, anunciou sua aposentadoria através de suas redes sociais.

“Gostaria de agradecer a todos que me ajudaram durante a minha jornada. Antes de mais nada, quero agradecer a minha esposa Holly e minha filha Bella, que me motivam e me inspiram todos os dias. Meus companheiros durante os anos, incluindo os atuais no Seattle Surge, e meus fãs que me seguiram durante toda minha carreira, desde meus três campeonatos mundiais até os dias de hoje em Seattle. Enquanto entro no próximo capítulo da minha vida, gostaria de agradecer o apoio de todos”, afirmou Karma em nota.

Em seu Twitter, Karma afirmou que já deveria ter deixado o Call of Duty há algum tempo. O canadense ainda deixou claro que não gosta da versão atual do game, o CoD: Modern Warfare.

“Isso é algo que eu devia ter feito há tempos. Esse jogo nunca foi para mim. Não gosto de correr por aí com uma MP5 e não tenho vontade de jogar o jogo. Além disso eu também não estava tão bem no jogo e acho que o Seattle Surge pode ser melhor sem mim”.

Karma é considerado pela comunidade como um dos maiores jogadores de Call of Duty de todos os tempos. O canadense é o único jogador a conquistar o mundial da modalidade três vezes (2013, 2014 e 2017) e fez história na compLexity, Evil Geniuses e OpTic Gaming.

Veja também: Warzone adiciona novo método para tentar acabar com cheaters.