CS:GO: Analista comenta reação da torcida brasileira: “Constrange o jogo que amamos”

CS:GO
De:Bruno Martins-
June 23, 2020

O jogo entre MIBR e Chaos da última segunda-feira (22) ainda continua repercutindo na comunidade internacional do CS:GO. As supostas trapaças de jogadores da Chaos foram comentadas por grande parte do cenário. O analista e comentarista do CS:GO Jason O’Toole falou sobre a reação da torcida brasil após a partida.

Em seu perfil no Twitter, O’Toole criticou fortemente a reação dos fãs com o resultado do jogo. O analista fez duras críticas às ameaças feitas pela torcida brasileira. “Eu acordei hoje e ainda estou em choque com uma fanbase regional inteira que mandou ameaças violentas para uma criança de 16 anos. Tenha ele trapaceado ou não, ontem foi a mais perversa e mais vergonhosa representação de fandom que vi em 20 anos de competitivo de CS:GO”, disparou.

O’Toole ainda relembrou o eventos realizados no Brasil e elogiou o comportamento da torcida na ocasião, mas reafirmou as criticas ao falar que ameaças não fazem bem nem para o jogo e nem para ninguém. “Eu digo isso como alguém que amou todas minhas memórias de eventos no Brasil, inclusive a interação com os fãs na arena. Eu sempre torci por vocês publicamente mas ontem foi demais e isso constrange o jogo que todos nós amamos”, continuou.

jason
Analista fez duras críticas à reação da torcida brasileira. Foto: ESL

Nos comentários, a torcida reagiu à crítica do analista dizendo que não é todos que estão ameaçando o jogador da Chaos. O’Toole afirmou estar ciente desse fato: “Vocês podem parar de me dizer que eram apenas algumas pessoas? Obviamente, não acredito que todos os fãs sejam responsáveis”, disse.

O analista continuou: “Mas leaf estava nos trendings do Brasil durante uma pandemia global de saúde, então não vamos agir como se fosse apenas uma minoria vocal”, criticou por fim.

Veja também: CS:GO: TACO diz não ter mais vontade de jogar “depois de tudo que está rolando”