LoL: Riot não tem certeza se Akshan reviver aliados é quebrado demais ou não

League of Legends
De:Maximilian Rox-
July 24, 2021

Akshan será o próximo campeão do LoL e até agora a Riot Games não sabe se a mecânica de reviver aliados será poderosa demais para o jogo ou não. A discussão sobre isso foi levada recentemente pelo Gerente de Design da empresa, Riot Jag, em uma postagem no site oficial de League of Legends.

“Mas não é para isso que você está aqui; está aqui para perguntar ‘vocês tem alguma ideia de quão poderoso é este reviver?'”, lançou o representante da empresa. “Ao que eu responderia – claro que não”, cita.

LoL Akshan

Continue após a publicidade

“Nosso trabalho como designers de campeões é criar novos campeões que entusiasmam os jogadores de maneiras únicas e inovadoras. Vocês, os jogadores, decidem por meio de suas escolhas de campeões se tivemos sucesso ao fazer um novo campeão: se eles merecem dedicar horas para descobrir e otimizar. Para dar um passo adiante, acho que nossos melhores campeões são aqueles que só podem ser otimizados pela comunidade. Se nossas equipes podem otimizar perfeitamente um campeão apenas por meio de testes internos, não há substância suficiente”, completa.

“Então, não, nós não temos certeza do quão poderoso é esse reviver”, confessa o desenvolvedor. “Às vezes, Akshan ressuscita um único aliado que irá imediatamente morrer novamente. Às vezes, ele sozinho vira o jogo matando um Scoundrel que acabou de mandar um Quadra Kill, revivendo toda a sua equipe para marchar adiante e tomar o Nexus”, cita.

“Nós sabemos quanto potencial esta mecânica poderia ter, e isso nos levou a colocar restrições neste efeito (como limpar todas as marcas do Scoundrel após derrubar o primeiro), mas não saberemos exatamente quanto poder ela oferece até que obtenhamos para ver os dados ao vivo”, finaliza.

Imagem para ilustrar o Akshan, novo campeão do LoL
Akshan Cyberpop

Ao fim, a postagem ainda fala porque a equipe tomaria um risco tão grande ao trazer uma mecânica que pode quebrar o jogo. “Sem correr riscos, não teríamos um suporte com um reset em seu ultimate, ou um atirador que tem que parar para recarregar, ou um samurai do vento que desvia das balas”, argumenta.

No início de julho, a Riot também confirmou que Akshan será capaz de reviver aliados mesmo depois de morrer. O campeão também chegará ao Wild Rift em breve.